Tribuna Expresso

Perfil

Diogo Faro

Diogo Faro só não põe já as mãos no fogo em como João Mário vai ser o melhor jogador da Liga porque, enfim, estamos em 2020 e tudo é mau

Na sua análise humorística à goleada do Sporting sobre o Tondela (4-0), Diogo Faro distribuiu elogios pelos sportinguistas. Para Adán, por exemplo: "Ficou sossegado e com distanciamento social de toda a gente, um pouco como temos todos de fazer para ver se isto não descamba ainda mais"

Diogo Faro

NurPhoto

Partilhar

ADÁN

Não teve que fazer absolutamente nada. Ficou sossegado e com distanciamento social de toda a gente, um pouco como temos todos de fazer no dia-a-dia para ver se isto não descamba ainda mais.

COATES

Bem a defender o pouco que teve a defender, mal a atacar naquela cabeçada que falhou, excelente no momento de diplomacia a que foi obrigado a chamar nomes, mas muito discretamente para o árbitro não perceber, ao Pedro Augusto, que queria bater no Matheus Nunes.

FEDDAL

Pouco ou nada teve de fazer, para além da cotovelada que levou no queixo. Não querendo tirar a importância ao facto, que deve ter custado a encaixar, mas foi pouco para um jogo inteiro.

LUÍS NETO

A verdade é que também não posso estar sempre a dar pancada no rapaz, em todas as crónicas que aqui escrevo. Ao contrário do Neto, em que não há um único jogo em que poupe na pancada distribuída.

PEDRO PORRO

Golaço do Pedrito a rematar de primeira sem deixar cair a bola no chão. Logo os comentadores se apressaram a qualificar o gesto como remate em “raquete”. Tive pena que tenham feito a graça de falar em portunhol e tenham dito “raquiéte”. Teriam tido imensa graça, com certeza.

JOÃO MÁRIO

Eu só não ponho já as mãos no fogo em como vai ser considerado o melhor jogador do campeonato, porque parte desta época está a acontecer em 2020. E já sabemos que se há ano em que tudo de mau pode acontecer é este.

NUNO MENDES

É tão rápido e tão bom tecnicamente que faz aquele corredor todo como se os adversários não aguentassem a sua pressão e lhe abrissem automaticamente alas para passar. Um bocado como o João Miguel Tavares faz ao Chega, tanto no "Público" como no Governo Sombra.

PEDRO GONÇALVES

Mais dois golos, somando agora cinco, e a fazer mais um belo jogo. Mas notou-se que ficou um pouco deslumbrado e no flash interview disse que “foi uma vitória merecedora”, e à pergunta “como tem sido estar no Sporting?” respondeu “tem sido bem”. É capaz de ser poesia e eu é que não estou a apanhar.

PALHINHA

Vi este jogo do Palhinha e fiquei feliz por ele e pelo Sporting. Depois lembrei-me do tempo todo que andámos a jogar com o Doumbia em vez de com ele, e fui para o banho chorar.

SPORAR

Bem que fez por merecer o golo, ao 17º remate que faz. Também não ajuda que tenham sido todos contra o guarda-redes, incluindo o que depois do ressaltou lá deu golo, mas mereceu ver o seu esforço recompensado.

TIAGO TOMÁS

Mais um bom jogo do miúdo, todo cheio de confiança a fintar, a passar, a rematar, a recuperar, a olhar, a respirar, a existir. Fez tudo bem.

NUNO SANTOS

Já tem mais assistências que o Estádio de Alvalade esta época.

PLATA

Só entrou porque fazia anos, 3 minutos de prenda. Felicitaciones, Gonzalo!

O Pote está on

O Sporting venceu o Tondela, tranquilamente, em Alvalade, com dois golos de Pote, o homem do jogo, um de Porro e outro de Sporar (4-0), e ascendeu à liderança da Liga NOS