Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Diogo Faro

Há muitos anos que o Sporting não tinha em Daniel Bragança um capitão com o cabelo mais à Sporting possível

Além de comentar a estado capilar de quem capitaneou o Sporting contra o Belenenses, a análise humorística de Diogo Faro também se focou no rácio entre golos e minutos jogados por Tiago Tomás, que "deve ser suficiente para o Paulinho ter passado a noite sentado no chuveiro a pensar longamente na sua vida"

Diogo Faro

NurPhoto

Partilhar

VIRGÍNIA

É por estas e por outras que eu gosto tanto do Sporting. É um clube eclético, mas é um clube do povo, um clube de todos. Desde CEOs que ainda usam cabelo à beto surfista como se tivessem 17 anos, até a um guarda-redes que tem nome de senhora da mercearia. “Dona Virgínia, tem cebolas?” é uma frase perfeitamente plausível.

INÁCIO

Não jogava desde o jogo com o Ajax. Ficou mentalmente lesionado com os 5 que enfiámos no saco e só temos que respeitar porque, como felizmente cada vez mais se fala, cuidar da saúde mental é fundamental.

FEDDAL

Estava um pouco confuso. Já foi jogar várias vezes àquele estádio, mas costuma jogar sempre contra uma empresa e não contra um clube de futebol.

Artigo Exclusivo para assinantes

No Expresso valorizamos o jornalismo livre e independente

Já é assinante?
Comprou o Expresso? Insira o código presente na Revista E para continuar a ler