Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Diogo Faro

Diogo Faro destaca a humildade de Coates, que ainda não perguntou ao Paulinho "queres que te ensine?". Mas se calhar é melhor ensinar

Frente ao Moreirense, Pedro Gonçalves pareceu menos mágico que o costume para o humorista, mas também pode ser de ter visto o jogo num tasco com tudo aos berros e uma TV pequena, depois de um funeral e de um batizado

Diogo Faro

MB Media

Partilhar

ADÁN

No meu dia de ontem, tive um funeral e um baptizado. Dispensava, em cima disso, as emoções causadas pelas mãos escorregadias do Adán, por acaso.

INÁCIO

Passou uma noite relativamente descansada, tendo tido imenso tempo para pensar nas discussões sobre o Orçamento do Estado, o vulcão que não se acalma e o novo single da Bárbara Bandeira. Não percebe o motivo da existência de qualquer um deles.

MATHEUS REIS

Matheus Reis é o Moedas, e o Feddal o Medina. Toda a gente achava que era um choninhas e nunca ganharia, pois agora ê vê-lo aí a ser titular, sentando Feddal no banco, e a incentivar o uso do carro na cidade como se quer nas cidades do futuro.

COATES

Para além das evidentes e inegáveis capacidades técnicas de matador, é de admirar toda a sua humildade que faz com que, depois de mais um golo, não se vire para o Paulinho a dizer “queres que te ensine?”. É assim mesmo, capitão. Grande exemplo. Mas se calhar é melhor ensinares, sim

Artigo Exclusivo para assinantes

No Expresso valorizamos o jornalismo livre e independente

Já é assinante?
Comprou o Expresso? Insira o código presente na Revista E para continuar a ler