Tribuna Expresso

Perfil

Entrevistas Tribuna

Exclusivo. Sérgio Conceição: “Tenho um lado negro que me alimenta o fogo”

O treinador que ganhou dois dos últimos três campeonatos assume que nunca está verdadeiramente feliz. Tem um “buraco” impreenchível desde os tempos em que perdeu os pais, na adolescência

Partilhar

Sérgio Conceição apresenta-se com roupa nova, diz que foi escolhida especificamente para a ocasião. Talvez seja ironia, mas também é possível que esteja a remodelar o guarda-roupa, porque perdeu peso — “bastante peso” — durante e no pós-confinamento, quando decidiu começar a correr pela cidade do Porto. “Estou pronto.” A conversa começou depressa, logo a seguir.

Acabei de perder uma aposta: desta vez chegou a horas.
Não, não, isso é um mito inventado por alguém [risos]. Não é verdade, Rui [Cerqueira, da comunicação do FC Porto]? Pronto, é nas conferências de imprensa, não é? É porque, normalmente, no final dos treinos, continuamos a trabalhar: bolas paradas, esquemas táticos, repetição e trabalho. Mas este ano correu bem, admito que na época passada me atrasava mais. Os jornalistas falam nisso, é? Acredito: vocês [os jornalistas] estão lá para trabalhar, eu também estou aqui para trabalhar. Sou muito rigoroso.

Para ler o artigo na íntegra clique AQUI