Euro 2016

Perfil

Seleções

Hungria

O pijama de Kiràly

FOTO ATTILA KISBENEDEK

Partilhar

Bom, bom, o que dizer desta Hungria? Pouco. A não ser que pela baliza ainda anda aquele tipo das calças de fato de treino e que passou pelo FC Porto há muito, muito tempo.

Selecionador: Bernd Storck

Selecionador: Bernd Storck

Foto JOHANN GRODER

Chama-se Gàbor Király, tem 40 anos, joga no Haladás e é o jogador mais conhecido da seleção - Dzusdzsák (Bursáspor) é o segundo mais conhecido e é extremo. A Hungria qualificou-se no terceiro lugar num grupo relativamente fácil (atrás da Irlanda do Norte e da Roménia; à frente da Finlândia e das Ilhas Faroé) com um futebol defensivo e de contra-ataque (quatro defesas, cinco médios, um avançado), marcando pouquíssimos golos (11) e sofrendo alguns (9). Teve o mérito de ultrapassar a Noruega no playoff, mas será provavelmente a equipa mais frágil deste grupo. Para finalizar a conversa: a Hungria só se qualificou para dois europeus, em 1964 e 1972.

Formação 4-1-4-1

Formação 4-1-4-1

Infografia Carlos Paes

Equipa I CLUBE A P
Guarda Redes
Gábor Király 40 Haladás 1,9 85
Dénes Dibusz 25 Ferencváros 1,88 81
Péter Gulácsi 26 Leipzig 1,9 83
Defesas
Ádám Lang 23 Videoton 1,85 77
Mihály Korhut 27 Debrecen 1,81 76
Tamás Kádár 26 Lech 1,88 79
Attila Fiola 26 Puskás Akadémia 1,82 70
Ádám Pintér 27 Ferencváros 1,9 76
Richárd Guzmics 29 Wisla Cracóvia 1,9 80
Barnabás Bese 22 MTK Budapeste - -
Roland Juhász 32 Videoton 1,94 96
Médios
Ákos Elek 27 Diósgyor 1,93 91
Ádám Nagy 20 Ferencváros 1,78 74
Gergo Lovrencsics 27 Lech 1,77 79
László Kleinheisler 22 Werder Bremen - -
Zoltan Stieber 27 Nuremberga 1,75 67
Avançados
Balázs Dzsudzsák 29 Bursaspor 1,79 72
Ádám Szalai 28 Hannover 1,93 91
Zoltán Gera 37 Ferencváros 1,83 75
Krisztián Németh 27 Al-Gharafa 1,8 74
Dániel Böde 29 Ferencváros 1,85 77
Nemanja Nikolic 28 Legia 1,8 80
Tamás Priskin 29 Slovan Bratislava 1,89 90

Infografia Carlos Esteves