Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Euro 2020 - descrição

Euro 2020 - descrição

Euro 2020

Guia do Euro 2020: País de Gales

O perfil da seleção do País de Gales (grupo A): como chegou ao Euro 2020, como joga e quem são os jogadores mais importantes

Tiago Teixeira

Valerio Pennicino

Partilhar

PAÍS DE GALES

Melhor marcador no apuramento: Gareth Bale (2), Kieffer Moore (2), Aaron Ramsey (2)
Melhor desempenho em Europeus: meias-finais (2016)
Euro 2016: meias-finais, perdeu frente a Portugal
Jogos no Euro 2020 (grupo A): Suíça (12 de junho); Turquia (16 de junho); Itália (20 de junho)

Brilharam no último Europeu mas falharam a qualificação para o Mundial de 2018.

Depois do afastamento de Ryan Giggs, em novembro de 2020, Robert Page, que até à data era seu adjunto, assumiu o comando técnico da seleção do País de Gales de forma interina, tornando-se oficial em abril desde ano.

A seleção galesa organiza-se preferencialmente em 3-4-3 (linha de 5 quando não têm a bola) no momento ofensivo, não estando posta de parte a possibilidade de abdicarem de um avançado (Harry Wilson) para jogar com três médios (entrada de Ramsey e mudança para 5-3-2). Não têm problemas em dar a iniciativa de jogo ao adversário para, após a recuperação de bola, saírem rápido para o ataque. É precisamente na transição ofensiva que podem causar mais problemas aos adversários, dada a velocidade e qualidade em condução de jogadores como Daniel James e Bale.

Em ataque posicional, procuram muitas vezes atrair de um lado para depois variar o centro de jogo e progredirem pelos alas. Médios como Ramsey, Morrell e Ampadu (é central de raiz) terão responsabilidades na construção.

JOGADOR CHAVE

Gareth Bale, 31 anos. O extremo do Tottenham (emprestado pelo Real Madrid) não foi titular na maior parte dos jogos, mas ainda assim terminou com números muito interessantes: 16 golos marcados e 3 assistências. Na seleção, onde conta já com quase 100 internacionalizações, Bale continua a ser a grande figura – a sua qualidade técnica, velocidade e capacidade finalizadora serão certamente decisivas no ataque da seleção galesa.

JOGADOR A SEGUIR

Valerio Pennicino

Daniel James, 23 anos. O extremo do Manchester United é sinónimo de muita velocidade, com e sem bola, e muita capacidade para quebrar linhas defensivas em condução. Numa seleção que fará das transições ofensivas a sua principal arma para ferir os adversários, James tem tudo para ser um dos destaques.

11 provável