Tribuna Expresso

Perfil

Euro 2020 - descrição

Euro 2020 - descrição

Euro 2020

“Não me rendo”: Christian Eriksen está melhor e já só pensa em “perceber o que se passou” naquela tarde em que o coração parou

O jogador dinamarquês do Inter de Milão apanhou um susto enorme, depois de cair inanimado no relvado durante o jogo entre a sua seleção e a congénere finlandesa. Apesar de hospitalizado, Eriksen continua a recuperar e vai comunicando com os companheiros de equipa, inclusive através de videochamada

Tribuna Expresso

Tullio Puglia - UEFA

Partilhar

Christian Eriksen permanece em observação no hospital, depois do enorme susto que pregou aos colegas e adversários, ao público e à namorada, que encontrou conforto nos braços de Kasper Schmeichel. Felizmente, o internacional dinamarquês tem dado sinais diários de evolução, tendo deixado, inclusive, uma mensagem pública de agradecimento que o jornal italiano “Gazzetta dello Sport” publicou.

“Obrigado a todos. Não me rendo. Estou melhor agora, mas quero entender o que se passou,” afirmou o jogador do Inter. “Quero agradecer a todos o que fizeram por mim. A família do Inter esteve muito próxima e isso emocionou-me,” desabafou Eriksen.

Neste momento, o grande desejo do futebolista é marcar presença no estádio, na próxima quinta-feira, para assistir ao duelo entre a Dinamarca e a Bélgica. Para já, o jogador do Inter vai permanecer em observação mais alguns dias e fazer mais alguns exames que ajudem a compreender o que de facto aconteceu.

Entretanto, os efeitos do problema de Eriksen estenderam-se a outras seleções. Daley Blind, internacional pelos Países Baixos, revelou ontem que chegou a pensar não entrar em campo frente à Ucrânia, por estar extremamente afetado pelo que aconteceu ao antigo companheiro de equipa no Ajax. O defesa de 31 anos passou por um momento semelhante em 2019. Blind foi operado para colocar um desfibrilador interno mas, após a cirurgia, já caiu inanimado em campo num jogo entre o Ajax e o Hertha, em 2020.

  • O que se faz em direto, com um microfone à frente e acontece o que aconteceu a Eriksen? "Vamos para o ar numa corda sem arnês"
    Euro 2020

    Durante quase uma hora, entre o momento em que Christian Eriksen caiu inanimado e a retoma do Dinamarca-Finlândia, o jornalista André Silva foi o responsável pela narração do jogo, na "Sport TV". Quando a emissão (cuja responsabilidade é da UEFA) mostra "imagens que iam para o ar e que não deveriam ter ido", repetidamente, e as redes sociais estão "cheias de médicos de bancada", alguém tem de dar palavras ao que toda a gente está a ver

  • "O Christian é um jogador do caraças, mas é uma pessoa ainda mais incrível. Foi errado pedir aos jogadores para tomarem uma decisão"
    Euro 2020

    A Federação Dinamarquesa de Futebol realizou uma conferência de imprensa sobre a paragem cardiorrespiratória sofrida, no sábado, por Christian Eriksen, durante o jogo com a Finlândia. "Ainda não temos uma explicação para o que aconteceu", disse o médico da seleção. Os jogadores já receberam ajuda de quatro psicólogos. Selecionador dinamarquês admite que "foi muito duro" pedir-lhes para decidirem se queriam continuar a jogar

  • O dia em que todos ficámos pequeninos
    Euro 2020

    O Dinamarca - Finlândia foi uma espécie de fim da inocência. Ao segundo dia de Europeu percebemos que isto não é só feito de tardes inteiras a ver futebol, a torcer pelo nosso país, a amar o jogo pelo jogo. Também são corações que param, também são homens obrigados a proteger um amigo, de lágrimas nos olhos, desespero na cara. Tudo parece ter acabado bem, Eriksen respira e fala, terá sido ele até que pediu aos colegas para voltar ao campo e lutar, mas no final a Dinamarca caiu frente à Finlândia, 1-0 no único remate que o estreantes fizeram no mais longo dos jogos