Tribuna Expresso

Perfil

Euro 2020

Jogar sem medo

Depois de ver dois grandes jogos de futebol, o França-Suíça e o Espanha-Croácia, Bruno Vieira Amaral não tem dúvidas em afirmar um caminho para o futuro de Portugal: "Jogar de acordo com as nossas qualidades, jogar sem medo, eis as lições do grande dia de ontem que a nós, portugueses, só nos servirão no futuro. Se as soubermos aproveitar"

Bruno Vieira Amaral

Marcio Machado/Getty

Partilhar

Tinham-nos prometido um Portugal-Bélgica com fogo-de-artifício, duas equipas de grande qualidade, muita técnica, um clássico antes de o ser e levámos com um Portugal-Portugal em que o Portugal belga ganhou ao Portugal português.

Fogo-de-artifício? Nem canas! Queriam ópera? Tomem lá pauliteiros de Miranda. Carninha do lombo? Comam cautelas e caldos de galinha.

Artigo Exclusivo para assinantes

No Expresso valorizamos o jornalismo livre e independente

Já é assinante?
Comprou o Expresso? Insira o código presente na Revista E para continuar a ler
  • Ter talento, por si só, não ganha jogos
    Euro 2020

    O treinador João Nuno Fonseca escreve que Portugal deveria ter tirado mais vantagem das qualidades dos jogadores que tem, através de um jogo mais posicional/localizado. Uma forma de jogar que requer intenção de querer ter a bola, além de os jogadores serem capazes de interpretar as vantagens que têm quando se relacionam com os adversários