Tribuna Expresso

Perfil

Fórmula 1

Com teste à covid-19 “inconclusivo”, Sergio Pérez pode perder o GP Grã-Bretanha

Piloto mexicano está em isolamento e a aguardar os resultados de novo teste. Caso não possa participar, o protocolo prevê que competição não pare. A Racing Point terá de chamar um dos pilotos de reserva

Tribuna Expresso

Peter Fox/Getty

Partilhar

A conferência de imprensa da Racing Point de antevisão ao GP Grã-Bretanha, que se disputa este fim de semana no circuito de Silverstone, teve um ausente de peso: de acordo com a equipa que ocupa neste momento o 4.º lugar no Mundial de construtores, o mexicano Sergio Pérez teve um teste à covid-19 “inconclusivo” e está em isolamento até receber os resultados de um novo teste.

O protocolo de segurança da Fórmula 1 prevê que numa situação em que um dos pilotos não esteja disponível, devido a um teste positivo ou inconclusivo, a competição não pare e que um dos pilotos de reserva tome o seu lugar. A Racing Point partilha os pilotos de reserva com a Mercedes, Esteban Gutierrez e Stoffel Vandoorne. Gutierrez seria a opção mais lógica para substituir o compatriota Perez, já que Vandoorne está a preparar o final de temporada da Fórmula E.

Todos os pilotos e staff essencial com autorização para estar no paddock da Fórmula 1 têm de ser testados à covid-19 pelo menos uma vez a cada cinco dias. Até ao momento, em cerca de 15 mil testes já feitos, a Fórmula 1 registou apenas dois positivos, durante o GP Hungria.