Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Fórmula 1

Covid-19. “Perdi 4 kg e muito músculo. Estou num ponto muito baixo ao nível de força”. Lewis Hamilton ainda sofre

Campeão mundial da F1 esteve infetado na fase final da temporada e dá agora mais pormenores das consequências da doença

Tribuna Expresso

Dan Istitene - Formula 1

Partilhar

Cerca de duas semanas depois de se curar da covid-19, Lewis Hamilton está longe de estar fisicamente recuperado e esta segunda-feira deu mais alguns pormenores das consequências da doença, que obrigou inclusivamente o sete vezes campeão do mundo de Fórmula 1 a falhar o penúltimo GP da temporada, em Sakhir.

“Perdi 6 kg nos últimos dois meses, quatro dos quais quando tive covid-19. Perdi muito músculo e começo agora a trabalhar de um ponto muito baixo a nível de força”, escreveu o britânico no Instagram.

“Não é divertido, mas estou determinado a ganhar a minha força de volta e ficar a 100% de novo”, disse ainda, um dia depois de ser considerado o desportista do ano pela BBC.

Depois do GP Abu Dhabi, última prova do Mundial de F1, em que foi 3.º, Hamilton admitiu estar “destruído” e ainda a sentir dificuldades, nomeadamente a nível pulmonar, após um período de isolamento que diz ter sido uma das “semanas mais difíceis em muito tempo”.

“Não me sinto bem, mas estou feliz, agradecido por estar vivo”, disse aos microfones da Sky Sports no final da corrida. “Foi uma corrida muito difícil a nível físico. Durante todo o ano estive bem fisicamente mas hoje definitivamente não. Acho que nunca estive assim”, frisou também.