Tribuna Expresso

Perfil

Fórmula 1

Alonso teve de desistir a meio da primeira corrida da época. O culpado? Um papel de embrulho

O piloto da Alpine teve de abandonar a corrida devido a um papel de embrulhar sanduíches, que estava enfiado na conduta dos travões

Lusa

Peter Fox

Partilhar

Um papel de embrulhar sanduíches foi o responsável principal pelo abandono do Alpine do espanhol Fernando Alonso durante a 31.ª das 56 voltas do Grande Prémio do Bahrain de Fórmula 1, que se disputou no domingo.

O papel alojou-se numa conduta dos travões traseiros, provocando o sobreaquecimento e alguns danos no sistema.

"Tivemos de o retirar por questões de segurança", explicou o diretor executivo da equipa, Marcin Budkowski, citado pela Reuters.

Além do problema de travões, o piloto espanhol, que regressou este ano às pistas, após dois anos de ausência, também sentiu algumas falhas de potência no motor do seu Alpine (antigo Renault).

O britânico Lewis Hamilton (Mercedes) venceu o GP do Bahrain, primeira das 23 provas do Mundial de Fórmula 1 de 2021, que tem o GP de Portugal como terceira jornada, em 2 de maio, no Algarve.