Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Fórmula 1

Hamilton escorrega (literalmente) e Verstappen vence em Ímola

Numa corrida que teve bandeira vermelha devido a um acidente entre Valtteri Bottas e George Russel, Max Verstappen saiu vencedor, ultrapassando Lewis Hamilton, que começou à frente mas saiu de pista e perdeu vários lugares

tribuna expresso

MIGUEL MEDINA

Partilhar

O holandês Max Verstappen (Red Bull) venceu hoje o Grande Prémio Emilia Romagna de Fórmula 1, segunda prova da temporada, batendo o britânico Lewis Hamilton (Mercedes), que tinha começado no primeiro posto da grelha.

Verstappen deixou o campeão em título a 22 segundos, com o britânico Lando Norris (McLaren) em terceiro, a 23,702 segundos.

Com estes resultados, Hamilton chega ao GP de Portugal na liderança, com um ponto de vantagem sobre Max Verstappen, graças ao facto de ter feito a volta mais rápida da corrida, mas é o holandês que sai mais satisfeito, depois de ter começado a corrida italiana em 3.º lugar mas de ter avançado para a liderança logo na primeira volta.

Numa pista molhada devido à chuva, Hamilton perdeu o controlo do carro, saiu do alcatrão e baixou até ao 9.º posto, mas acabou por conseguir recuperar até ao 2.º, deixando Lando Norris, da McLaren, em 3.º, e Charles Leclerc e Carlos Sainz, ambos da Ferrari, em 4.º e 5.º, respetivamente.

Já o colega Valtteri Bottas foi obrigado a desistir, depois de um acidente com George Russell que obrigou a que fosse mostrada a bandeira vermelha, parando a corrida - ambos os pilotos escaparam ilesos.