Tribuna Expresso

Perfil

Futebol feminino

Esta sueca vai mandar no Brasil

Depois do despedimento de Vadão, a treinadora sueca Pia Sundhage foi escolhida para ser a nova selecionadora de futebol feminino do Brasil

tribuna expresso e lusa

AFP Contributor

Partilhar

A sueca Pia Sundhage é a nova selecionadora de futebol feminino do Brasil, na sequência da saída de Vadão, após a equipa ‘canarinha’ ter sido eliminada nos oitavos de final do Mundial 2019.

Pia Sundhage, de 59 anos, esteve à frente da seleção dos Estados Unidos entre 2008 e 2012, com a qual foi campeã olímpica, precisamente, em 2008 e 2012, ano em que assumiu a liderança da seleção da Suécia, com a qual também foi vice-campeã olímpica, em 2016.

“É um desafio formidável, que não podia recusar. O Brasil é um país fantástico no futebol, recheado de talentos”, disse a sueca, que em 2012 chegou a ser eleita a melhor treinadora do ano.

No Mundial 2019, o Brasil foi eliminado e nos oitavos de final pela anfitriã França, ao perder por 2-1, após prolongamento.