Tribuna Expresso

Perfil

Futebol feminino

Dérbi no feminino termina com quatro golos e muita emoção

Benfica e Sporting empataram (2-2) na 1ª jornada da Taça da Liga feminina

lusa

FPF

Partilhar

Benfica e Sporting empataram hoje 2-2, em jogo da primeira jornada da Taça da Liga de futebol feminino, em que o Sporting perdeu por duas vezes a vantagem numa partida disputada com muita intensidade.

Nevena Damjanovic, aos quatro minutos, de penálti, fez o primeiro para o Sporting, mas Pauleta, aos 39, empatou a partida ainda na primeira parte. A abrir o segundo tempo, aos 53, Diana Silva recolocou as ‘leoas’ na frente, com Darlene, da marca dos 11 metros, a repor a igualdade, aos 74.

Os dois conjuntos lisboetas iniciaram a prova com um ponto e deixaram o Sporting de Braga, que venceu o Futebol Benfica (4-0), na liderança da competição, com três pontos.

Foram precisos apenas quatro minutos para o Sporting abrir o ativo, pela capitã Nevena Damjanovic, de grande penalidade, a castigar uma falta da guarda-redes benfiquista Dani Neuhaus a Raquel Fernandes, que seguia isolada para a baliza.

Aos 21 minutos, a formação ‘encarnada’ dispôs de uma ocasião flagrante para empatar, num livre direto cobrado de forma exímia pela brasileira Daiane, mas Inês Pereira, com uma enorme estirada, defendeu em direção à trave.

A igualdade chegou aos 39 minutos, numa bola parada. Sílvia Rebelo, num canto cobrado ao segundo poste por Yasmim, cabeceou para Pauleta, que apenas teve de encostar. Nos festejos, a espanhola agarrou numa camisola com o nome ‘Speedy’ e o número 40, alcunha e idade do piloto português Paulo Gonçalves, que faleceu hoje durante a sétima etapa do Rali Dakar.

O Sporting voltou a aparecer mais forte no reatamento e, aos 53 minutos, Diana Silva, através de um grande remate, cheio de efeito, conferiu nova vantagem às ‘leoas’.

As ‘águias’ acabaram por assumir mais o controlo da bola, tendo o golo do empate surgido aos 74 minutos, pela capitã Darlene, numa grande penalidade cometida por Carole Costa, que foi expulsa na sequência do lance, sobre a canadiana Cloé Lacasse.

A jogar com mais um elemento, o Benfica dominou os últimos 15 minutos e podia ter operado a reviravolta aos 76, num remate da recém-entrada Francisca Nazareth, e aos 82, numa tentativa de Pauleta, de muito longe, desviada com a ponta dos dedos pela guarda-redes sportinguista, que se exibiu a bom nível no encontro, mas o empate manteve-se.

Ficha de jogo

Jogo realizado no Estádio da Tapadinha, em Lisboa.
Benfica – Sporting, 2-2.
Ao intervalo: 1-1.

Marcadoras:

0-1, Nevena Damjanovic, quatro minutos (grande penalidade).
1-1, Pauleta, 39.
1-2, Diana Silva, 53.
2-2, Darlene, 74 (grande penalidade).

- Benfica: Dani Neuhaus, Daiane, Raquel Infante, Sílvia Rebelo, Yasmim (Lúcia Alves, 75), Andreia Faria (Francisca Nazareth, 62), Pauleta, Ana Vitória (Patrícia Llanos, 86), Nycole, Cloé Lacasse e Darlene.

(Suplentes: Dida, Ana Seiça, Patrícia Llanos, Lúcia Alves, Francisca Nazareth, Catarina Amado e Beatriz Cameirão).

Treinador: Luís Andrade.

- Sporting: Inês Pereira, Ana Borges, Carole Costa, Nevena Damjanovic, Wibke Meister (Joana Marchão, 46), Fátima Pinto, Joana Martins, Tatiana Pinto, Diana Silva, Raquel Fernandes (Rita Fontemanha, 87) e Ana Capeta (Hannah Wilkinson, 90+5).

(Suplentes: Patrícia Morais, Mariana Azevedo, Joana Marchão, Rita Fontemanha, Hannah Wilkinson, Nadine Cordeiro e Marta Ferreira).

Treinadora: Susana Cova.

Árbitro: Catarina Campos (AF Lisboa).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Dani Neuhaus (03), Carole Costa (19), Ana Vitória (23), Fátima Pinto (41), Inês Pereira (49), Darlene (68) e Ana Capeta (90+3). Cartão vermelho direto para Carole Costa (72).

Assistência: cerca de 1.500 espetadores.