Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Futebol feminino

Barça e Chelsea com cinco nomeadas para a Bola de Ouro do futebol feminino

A Bola de Ouro feminina foi entregue pela primeira vez pela "France Football" em 2018, premiando a norueguesa Ada Hegerberg, jogadora do Lyon

Lusa

Alexia Putellas já venceu o prémio de melhor jogadora do ano da UEFA

Fran Santiago - UEFA

Partilhar

O campeão europeu Barcelona e o vice Chelsea, ambos com cinco nomeadas, são os clubes com mais candidatas à vitória na Bola de Ouro feminina da "France Football", que anunciou as 20 finalistas esta sexta-feira.

A guarda-redes Sandra Paños, a defesa Irene Paredes, que chegou no defeso do Paris Saint-Germain, a média Alexia Putellas e as avançadas Lieke Mertens e Jennifer Hermoso são as candidatas do também campeão espanhol Barça.

Putellas já venceu o prémio de melhor jogadora do ano da UEFA, batendo as suas companheiras de equipa Hermoso (segunda classificada) e Mertens (terceira).

Por seu lado, Fran Kirby, Jessie Fleming, Pernille Harder, Magdalena Eriksson e Sam Kerr são as cinco candidatas do Chelsea à sucessão da norte-americana Megan Rapinoe, vencedora em 2019, que não está entre as 20 finalistas.

Kadidiatou Diani, Ashley Lawrence, Marie-Antoinette Katoto, do PSG, Christiane Endler e Wendie Renard, do Lyon, e Christine Sinclair (Thorns FC), Viviane Miedema (Arsenal), Ellen White (Manchester City), Samantha Mewis (North Carolina Courage) e Stina Blackstenius (Häcken) são as outras candidatas.

A Bola de Ouro feminina foi entregue pela primeira vez pelo "France Football" em 2018, premiando a norueguesa Ada Hegerberg, jogadora do Lyon.

Em 2020, a revista gaulesa decidiu não atribuir os seus prémios anuais devido à pandemia da covid-19.