Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Roma vence e sobe na tabela em dia de recorde da Juventus

A contabilidade da Serie A

Lusa e Tribuna Expresso

Emilio Andreoli

Partilhar

Roma, adversária do FC Porto na Liga dos Campeões de futebol, venceu hoje na visita ao Parma, por 2-0, em jogo da 19.ª jornada da Serie A, em que a líder Juventus fixou um recorde de pontos na primeira volta.

Em Parma, com o capitão Bruno Alves a titular na equipa da casa, a Roma garantiu o triunfo com golos de Bryan Cristante (58 minutos) e Cengiz Under (75), deixando a equipa provisoriamente no quinto lugar.

Os romanos, que defrontam o FC Porto em 12 de fevereiro e 06 de março, têm tido uma época muito irregular, mas fecham a primeira volta ultrapassando na classificação a Sampdoria, que perdeu com a Juventus, e à espera do que o AC Milan fará com a SPAL.

Em contrapartida, a Sampdoria caiu para o sexto lugar, depois de no primeiro jogo do dia perder em Turim com a Juventus (2-1), com Cristiano Ronaldo a bisar – e liderar os marcadores -, num jogo em que o VAR foi peça fundamental.

O árbitro Paolo Valeri confirmou no vídeoárbitro duas grandes penalidades, uma para cada lado, e já nos descontos anulou aquele que podia ter sido o 2-2 para a Sampdoria, por posição irregular de Saponara.

A ‘Juve’, heptacampeã, lidera assim confortavelmente a Serie A, com mais 12 pontos do que o Nápoles (2.º), que mais logo recebe o Bolonha, e 14 para o Inter de Milão (3.º), emblema que saiu vitorioso na visita ao Empoli.

Com João Mário a titular, os interistas seguraram os três pontos graças a um golo de Balde Keita (72 minutos), com Radja Nainggolan, que tinha sido suspenso por questões disciplinares, a ser lançado por Spaletti aos 57 minutos.

Em outros jogos, a Lazio atrasou-se ainda mais – é quarta, a 21 pontos da ‘Juve’ -, ao empatar a 1-1 em casa com o Torino (9.º), e a Atalanta (7.ª) aproximou-se do sexto lugar ‘europeu’, num encontro que houve uma 'avalancha' de golos, oito.

Fora de casa, a Atalanta ‘atropelou’ o Sassuolo (11.º) por 6-2. Ao intervalo já vencia por dois golos e Josip Ilicic foi a figura, com um ‘hat trick’, numa ronda em que Chievo e Udinese também venceram, Frosinone (1-0) e Cagliari (2-0), respetivamente.

Também durante a tarde, o único nulo aconteceu em casa do Génova (14.º), num jogo em que Miguel Veloso entrou aos 59 minutos, e que a Fiorentina não conseguiu superar, com a formação ‘viola’ a manter-se no meio da tabela (10.ª).

Antes de uma pausa de três semanas na Série A – que regressa em 19 de janeiro -, os jogos Nápoles-Bolonha e AC Milan-SPAL fecham mais logo a primeira volta.