Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Jurgen Klopp e os abraços aos jogadores do FC Porto: "Eu sei que não ajuda, mas quis dizer-lhes que vi o seu esforço"

Treinador do Liverpool reconheceu que o FC Porto deu muito trabalho à sua equipa, principalmente na 1.ª parte, mas que no final os dragões perderam intensidade

Tribuna Expresso

Nick Potts - EMPICS/Getty

Partilhar

A intensidade e a falta dela

“O FC Porto criou muitos momentos caóticos com bons passes e futebol direto e na luta pelas segundas bolas. Mas depois não conseguiram manter essa intensidade e começámos a ter os nossos momentos, contra-ataques e conseguimos marcar. Na 2.ª parte o jogo mudou. O Herrera e o Danilo não conseguiram fazer aquilo que tinham feito na 1.ª parte e nós marcámos bons golos”

Abraço aos jogadores do FC Porto explicado

“Aprecio muito equipas que se esforçam, como o FC Porto. Tentaram mudar um resultado difícil. Gosto muito do FC Porto e esta foi provavelmente a eliminatória mais difícil que tivemos na Liga dos Campeões. Eu sei que não ajuda, mas quis dizer aos jogadores do FC Porto que vi esse esforço”