Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

UEFA garante que as ligas europeias estão prontas para voltar à competição, mas sem adeptos no estádio

Aleksander Ceferin defendeu, em entrevista ao "Corriere della Sera", que o mais importante é "trazer alegria às pessoas nestes tempos difíceis", mesmo que respeitando as medidas de segurança que farão com que os jogos, quando os campeonatos forem retomados, tenham de se realizar à porta fechada

Lusa

Lukas Schulze - UEFA

Partilhar

As ligas europeias de futebol estão prontas para voltar à competição à porta fechada e, dessa forma, limitar o impacto negativo da suspensão causada pela pandemia de covid-19, disse, esta segunda-feira, o presidente da UEFA.

Aleksander Ceferin explicou que "há opções que permitem reatar taças e campeonatos e levá-las até ao fim", de modo a limitar o "impacto terrível" que causaria a suspensão definitiva da época 2019/20, a nível económico, para clubes e ligas.

Em entrevista ao jornal italiano "Corriere della Sera", o dirigente explicou que o importante "é trazer alegria às pessoas nestes tempos difíceis e algum semblante de regresso ao normal, mesmo que os jogos só possam ser vistos na televisão" e as medidas de segurança tenham de ser respeitadas nos treinos e nos jogos.

A nível global, segundo um balanço da AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 165 mil mortos e infetou quase 2,5 milhões de pessoas em 193 países e territórios.

Mais de 537 mil doentes foram considerados curados.

Em Portugal, morreram 735 pessoas das 20.863 registadas como infetadas, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.