Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Wilfried Zaha denuncia ameaças racistas feita por adepto do Aston Villa

Avançado do Crystal Palace denunciou as ameaças, que aconteceram na véspera do Palace jogar com o Aston Villa

Tribuna Expresso

Pool/Getty

Partilhar

O avançado Wilfried Zaha, do Crystal Palace, revelou ter recebido ameaças de teor racista através das suas redes sociais, mensagens enviadas por um suposto adepto do Aston Villa, contra quem o Palace joga este domingo.

"É melhor que não marques amanhã [hoje]. Ou então vou a tua casa vestido de fantasma", pode ler-se nas mensagens, em que o adepto usa vários termos pejorativos e ofensivos na língua inglesa, com referências ao tom de pele de Zaha e também ao Klu Klux Klan, organização racista dos Estados Unidos.

Além das mensagens, o adepto enviou uma fotografia de vários membros do Klu Klux Klan.

O Crystal Palace reagiu prontamente no Twitter. "Isto é horrível e não deveria acontecer. Estamos contigo, Wilf, e com toda a gente que sofre deste tipo de abuso".