Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

“Um homem de 46 anos foi detido” por violência doméstica. Foi Ryan Giggs

O antigo jogador do Manchester United tem agora o cargo de selecionador do País de Gales em causa

Tribuna Expresso

O galês Ryan Giggs

Dave Winter

Partilhar

Ryan Giggs, antigo futebolista, ícone do Manchester United e agora selecionador do País de Gales, foi detido no domingo por alegada violência doméstica - a vítima será Kate Greville, a namorada.

Segundo os órgãos de comunicação ingleses, a polícia foi chamada à sua residência, pelas 22h05, após receber queixas por distúrbios, tendo encontrado Kate Greville com algumas "lesões superficiais que não precisaram de testamento hospitalar". "Um homem de 46 anos foi então detido" pelo sucedido.

Um porta-voz de Ryan Giggs disse ao Mirror que o seu cliente "refutava as alegadas agressões" e que se "encontrava a cooperar com a polícia".

Giggs foi interrogado na esquadra de Pendleton, em Manchester, tendo saído sob fiança horas mais tarde. É possível que o cargo de selecionador esteja em perigo.