Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

A FIFA quer uma versão simplificada do VAR

O organismo informa que está a estudar um desenvolvimento tecnológico semiautomático para a questão do fora de jogo

Arnd Wiegmann

Partilhar

Uma versão mais simples do videoárbitro (VAR) e uma abordagem que se estenda "a todos os níveis do futebol" está a ser estudada por um grupo de trabalho da FIFA, informou hoje o organismo.

O grupo 'Inovação e Excelência' apresentará brevemente à FIFA e ao IFAB, órgão regulador das leis do jogo, recomendações para colocar em 'marcha' a reforma pretendida, no sentido de simplificar o VAR.

"Existe a necessidade de criar sistemas mais acessíveis e que permitam o recurso ao assistente de vídeo na arbitragem a todos os níveis do futebol", indica a FIFA, em comunicado, acrescentando a possibilidade de redução nos requisitos mínimos tecnológicos.

Na mesma nota, o organismo diz também estar a estudar um desenvolvimento tecnológico semiautomático para a questão do fora de jogo, no sentido de tornar a análise dos mesmos o mais eficaz possível.