Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Abel: “Quando cheguei disse aos jogadores que iria precisar mais deles do que eles de mim”

Abel Ferreira regressou ao banco do Palmeiras e viu a equipa vencer com confiança o Libertad, do Paraguai, por 3-0. Com esta vitória, o clube garantiu a passagem às meias-finais da Taça Libertadores

Tribuna Expresso

Osman Orsal

Partilhar

Abel treinou várias equipas em Portugal e uma na Grécia mas confessa: “Nunca treinei uma equipa com tanta qualidade como esta, com jogadores que já ganharam títulos, sabem que para ganhar é preciso muito mais do que só ter bons jogadores. Estamos, aos poucos, a construir esse espírito. Grandes equipas fazem-se com grandes homens”.

O técnico português falou também da consistência defensiva da equipa: “Disse aos jogadores que para ganhar títulos temos que ter a melhor defesa. Falo da forma como defendemos, porque no momento em que estamos a defender começamos a atacar. (…) Quando cheguei disse aos jogadores que iria precisar mais deles do que eles de mim. Íamos treinar com acesso a vídeos porque não temos tempo para treinar. Mas quando temos jogadores com mente aberta, coração quente e vontade de aprender, é tudo mais fácil”.

  • Os misters portugueses outra vez à conquista do Brasil
    Futebol internacional

    Com pouco mais de um mês no Palmeiras, Abel Ferreira já impressiona o Brasil, que procura cada vez mais treinadores portugueses, depois do sucesso de Jorge Jesus no Flamengo. Mas o volátil futebol brasileiro rejeita tão rápido quanto abraça, como sentiram Jesualdo Ferreira e Augusto Inácio, e como já está a perceber Ricardo Sá Pinto