Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Em 2015, Valbuena foi chantageado por causa de um vídeo sexual. Benzema vai ser julgado como cúmplice do alegado crime

Caso remonta a 2015, quando dois homens que tinham um suposto vídeo íntimo de Valbuena com a esposa tentaram chantageá-lo

Lusa

Susana Vera

Partilhar

O futebolista francês Karim Benzema, do Real Madrid, vai ser julgado por cumplicidade no caso de chantagem com um vídeo de conteúdo sexual ao compatriota Mathieu Valbuena, do Olympiacos, anunciou esta quinta-feira o Tribunal de Versalhes.

"A decisão de levá-lo a julgamento é uma crueldade absurda e injusta", disse o advogado do jogador do Real Madrid, Sylvain Cormier, para quem o comportamento de Karim Benzema no processo que envolve Valbuena não tem nada de censurável.

O caso remonta a 2015, quando dois homens que tinham um suposto vídeo íntimo de Valbuena com a sua esposa tentaram chantageá-lo e, perante a sua recusa, contactaram um amigo de infância de Benzema para obter a mediação do jogador, que falou com a vítima durante uma concentração da seleção francesa.

Na sequência do caso, Benzema foi afastado da seleção francesa. O avançado, que alinhou em 81 partidas e marcou 27 golos, não representa a França desde outubro de 2015.