Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Futebol internacional

Copa América. Com menos um jogador desde os 49', Brasil vence Chile e está as 'meias'

No Rio de Janeiro, um golo de Lucas Paquetá, aos 47 minutos, segundos depois de entrar em campo, valeu o apuramento aos anfitriões e detentores do título. Agora, numa reedição da final de 2019, Brasil e Peru jogam o acesso à final da Copa América

Lusa

Wagner Meier

Partilhar

O Brasil complicou na sexta-feira a sua tarefa, com uma expulsão que o fez jogar quase toda a segunda parte com 10 unidades, mas bateu o Chile por 1-0 e está nas meias-finais da Copa América em futebol.

No Rio de Janeiro, um golo de Lucas Paquetá, aos 47 minutos, segundos depois de entrar em campo, valeu o apuramento aos anfitriões e detentores do título, que souberam sofrer, num jogo em que nunca se deixaram ‘sufocar’ pelos chilenos.

Ainda assim, o ‘haraquiri’ de Gabriel Jesus, expulso aos 49 minutos, logo após o golo, com uma entrada imprudente sobre Mena, poderia ter saído cara aos ‘canarinhos’, pois os chilenos tiveram hipóteses para empatar.

Entre oportunidades mais ou menos claras, destaque para dois lances protagonizados por suplentes lançados nos chilenos, um cabeceamento à barra do suplente Brereton, aos 69 minutos, e um ‘tiro’ de Meneses defendido por Ederson, aos 78.

Os brasileiros, com Neymar sempre muito importante na arte de conseguir ter a bola e criar perigo praticamente sozinho, também poderiam ter chegado ao segundo golo, nomeadamente pelo jogador do PSG (67 minutos), tendo justificado o triunfo.

Com esta vitória, o Brasil, em busca do 10.º título, vai reencontrar nas meias-finais de segunda-feira o Peru (superou o Paraguai nos penáltis), que bateu na final de 2019 por 3-1 e goleou na presente edição por 4-0, na fase de grupos.

Os outros dois jogos dos quartos-de-final jogam-se esta noite: Uruguai-Colômbia (23h, SportTV2) e Argentina-Equador (02h, SportTV2).