Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Futebol internacional

Neymar diverte-se e o Brasil já está na final da Copa América: "Quero a Argentina"

Na reedição da final de 2019, um golo de Lucas Paquetá, servido por Neymar, aos 35 minutos, selou o triunfo dos canarinhos, que estão pela oitava vez na final. Venceram as últimas cinco disputadas (1997, 1999, 2004, 2007 e 2019)

Tribuna Expresso e Lusa

Miguel Schincariol

Partilhar

O anfitrião Brasil, campeão em título, qualificou-se na madrugada de terça-feira para a final da edição 2021 da Copa América em futebol, ao vencer o Peru por 1-0, na primeira meia-final, disputada no Engenhão, no Rio de Janeiro.

Na reedição da final de 2019, um golo de Lucas Paquetá, servido por Neymar, aos 35 minutos, selou o triunfo dos canarinhos, que estão pela oitava vez na final, vencendo as últimas cinco disputadas (1997, 1999, 2004, 2007 e 2019).

A final, marcada para sábado, no Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro, a partir das 21h locais (01h00 de domingo, em Lisboa), colocará frente a frente o Brasil e o vencedor da segunda meia-final, que opõe hoje a Argentina à Colômbia, em Brasília.

E agora? "Eu quero a Argentina, estou torcendo pela Argentina, tenho amigos ali, depois na final vai dar Brasil", disse, entre risos, aqui citado pelo "Globo Esporte". A seleção de Lionel Messi, que tem sido excelente neste torneio, joga esta madrugada contra a Colômbia (02h, SportTV2).

O futebolista do PSG deixou ainda rasgados elogios a Lucas Paquetá, que, tal como acontecera com o Chile, nos 'quartos', marcou o golo depois de assistência de Neymar.

"O Paquetá é um grande jogador, vem crescendo a cada partida, a cada jogo que ele joga pela seleção. Fez uma grande temporada pelo seu clube e vem demonstrando que pode ser um jogador muito importante para nós. Eu fico contente com a participação dele, com o jogo que ele fez, jogou muito, está de parabéns. É sempre bom reencontrar grandes jogadores na Seleção", disse o camisa 10.