Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Futebol internacional

Cristiano Ronaldo. O diabo veste United e está de volta feito lenda

Dezoito anos após o seu primeiro jogo em Old Trafford, Cristiano Ronaldo regressa ao Manchester United para tentar devolver a glória perdida ao clube a que chama “casa”. O que esperar da nova era de CR7 em Inglaterra? Falámos com Tomás da Cunha, com o seu antigo colega Chris Eagles e com Quique Flores para tentar perceber

Pedro Barata

Clive Mason

Partilhar

A 16 de agosto de 2003, o Manchester United, cam­peão inglês em título, recebia o Bolton na jornada inaugural da Premier League 2003--2004. O conjunto de Sir Alex Ferguson vencia por 1-0 quando o lendário técnico escocês decidiu colocar em campo um jovem de 18 anos. Com o número 7 — que meses antes era de Beckham e que também havia pertencido a George Best ou Cantona —, cara de miúdo rebelde e cabelo com peculiares madeixas, Cristiano Ronaldo pisou o relvado de Old Trafford pela primeira vez para dar uma amostra do seu futebol repentista e virtuoso, que rapidamente encheu as bancadas de onomatopeias de assombro.

Aquele adolescente fez-se homem em Manchester, liderando a equipa rumo à conquista de um tricampeonato inglês e da Liga dos Campeões. Até que, em 2009, resolveu ir marcar golos e ganhar títulos para outras paragens. Agora, a cinco meses de completar 37 anos, Cristiano Ronaldo está de volta “ao melhor futebol do mundo”, como ele próprio o descreveu: o campeonato inglês.