Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Futebol internacional

Jogos da qualificação sul-americana para o Mundial levam ao adiamento do Sevilha-Barcelona e Villarreal-Alavés

Os dois encontro da La Liga não decorrerão no próximo fim-de-semana devido à proximidade temporal das partidas do campeonato com o regresso dos internacionais sul-americanos dos compromissos das suas seleções

Tribuna Expresso

NurPhoto/Getty

Partilhar

O Conselho Superior de Desporto de Espanha (CSD) acedeu ao pedido feito pela La Liga no sentido de adiar os encontros do campeonato que fossem diretamente afetados pelas partidas da qualificação sul-americana para o Mundial 2022. Assim, nem o Sevilha-Barcelona nem o Villarreal-Alavés, inicialmente marcados para sábado, dia 11 de setembro, se irão realizar no próximo fim-de-semana.

No caso destes desafios adiados, estavam envolvidos os argentinos Papu Gómez, Montiel e Acuña, os três do Sevilha, e Foyth, do Villarreal, cujo último compromisso ao serviço da seleção é na madrugada de quinta para sexta-feira, às 00:30h, frente à Bolívia; o uruguaio Ronald Araujo, do Barcelona, com partida marcada para as 23:30h de quinta-feira diante do Equador de Estupiñan, futebolista do Villarreal. Quer isto dizer que todos estes futebolistas jogarão menos de 48 horas antes da data que estava marcada para os encontros da La Liga, tendo ainda de fazer uma viagem intercontinental.

A organização da La Liga já tinha feito o pedido à Federação Espanhola de Futebol (RFEF) para adiar os jogos. No entanto, a RFEF, argumentando que não se tratava de uma causa de força maior, rejeitou o apelo da entidade liderada por Javier Tebas, levando a Liga a recorrer ao Conselho Superior de Desporto. O CSD, que faz parte do governo espanhol, aceitou os argumentos da Liga e decidiu a favor do adiamento.

Recorde-se que o Sevilha, o Barcelona e o Villarreal têm partidas marcadas para terça-feira, dia 14 de setembro, na Liga dos Campeões. Ainda não foi anunciada a nova data para a realização dos jogos adiados.