Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Futebol internacional

“Aposto que o Ronaldo vai ser treinador do Manchester United em 18 meses”

Tim Sherwood, antigo treinador do Tottenham, diz que ver Cristiano Ronaldo na linha lateral ao lado de Solskjaer a dar indicações aos colegas é uma visão do futuro: caso o treinador norueguês não vença nada pelo Man. United nos próximos meses, o português poderá ser o seu substituto. Sherwood diz ainda que acredita que Ronaldo tem todas as condições para ser o melhor marcador da Premier League esta temporada

Tribuna Expresso

Manchester United/Getty

Partilhar

A derrota na 1.ª jornada da Champions com o Young Boys e agora a eliminação da Taça da Liga inglesa às mãos do West Ham agudizam as dúvidas sobre Ole Gunnar Solskjaer, que muitos acreditam não ter mãos para levar o talento que existe no Manchester United à conquista de títulos.

E há quem aposte que o futuro treinador do United está a fazer-se ali mesmo ao lado. Tim Sherwood, antigo treinador do Tottenham, diz que Cristiano Ronaldo será o dono do banco do Manchester United em apenas ano e meio, ou seja, quando terminar o seu contrato como jogador.

Sherwood, o homem que substituiu André Villas-Boas no comando técnico dos Spurs, vê nas imagens de Cristiano Ronaldo a dar indicações aos colegas ao lado do seu atual treinador um sinal para o futuro.

“Se Ronaldo tem de estar ao lado do treinador a dar instruções então devem permitir que faça isso. Acho que não faz mal nenhum e que o Solskjaer terá o de aceitar”, disse o treinador num comentário para o site da casa de apostas Ladbrokes.

“O rapaz vai ser treinador, disso tenho a certeza. Aposto que vai ser treinador do Manchester United em 18 meses”, atirou ainda Sherwood. “Já o vimos a fazer isto nos palcos internacionais, no Europeu, por exemplo, a dar ordens de fora”, continua, lembrando que o Ronaldo que chegou esta temporada a Old Trafford é um Ronaldo “completamente diferente” daquele com 18 anos, na primeira passagem pelo Manchester United: “Ele sabe o quão é necessário e ele sente que tem de estar ao lado do treinador e dar instruções”.

O técnico britânico diz que não sabe se Ronaldo faria o mesmo caso José Mourinho ainda estivesse no banco do Manchester United, deixando no ar que Solskjaer não é treinador para os red devils e que por isso é que Ronaldo sente que é necessário intervir.

“Se o United vencer a Premier League, a Liga dos Campeões ou a Taça de Inglaterra, então Solskjaer irá continuar. Se isso não acontecer, penso que têm ali um treinador em preparação”, vaticinou Sherwood.

Melhor marcador da Premier League

Na mesma crónica, Tim Sherwood frisa ainda que vê Cristiano Ronaldo como o melhor marcador da Premier League no final da temporada.

“Ele marca sempre nos grandes jogos, nos grandes duelos e nos jogos que realmente interessa, acho que é aí que ele aparece. Não é necessariamente pelos seus números, mesmo sabendo que são números incríveis, mas ele está a aprimorar o seu jogo”, explica o treinador, sublinhando que já não se vê Ronaldo a variar “pela esquerda, depois pela direita, a vir de trás”, mas sim a manter-se mais perto da baliza, a tentar antecipar-se aos guarda-redes.

“Aquilo não é sorte, ele cheira as oportunidade e não se pode deixar o Ronaldo de fora da luta. Vai depender de quantos jogos ele fizer e ele é que vai decidir quantos jogos vai fazer, não vai ser o Ole. Ele vai dizer ‘vou jogar este, tira-me aos 60 minutos neste’, vai ter tudo combinado com o Ole”, aponta ainda Sherwood.