Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Futebol internacional

“A melhor vitamina é ganhar. Os jogadores provaram que continuam a ter um desempenho de alto nível”

Didier Deschamps elogiou a prestação dos jogadores franceses, após a conquista (2-1) da Liga das Nações, no domingo, frente a Espanha. Já Luis Enrique não quis comentar a decisão dos árbitros de não assinalarem fora-de-jogo na jogada do golo de Kylian Mbappé

SIC Notícias

Partilhar

A seleção francesa venceu, este domingo, a Liga das Nações contra a Espanha. O selecionador francês e o jogador Benzemá mostraram-se felizes pela conquista do título. Já o técnico espanhol não se alongou no comentário ao golo polémico de Mbappé.

“Como sabem, não temos a melhor visão do campo como treinadores, mas pareceu-me uma jogada difícil e não quer dizer nada sobre isso. Não tenho o hábito de falar sobre os árbitros e concentro-me naquilo que posso controlar”, disse Luís Enrique, selecionador espanhol

Por outro lado, Didier Deschamps afirma que “não importa o que ficou para trás”, destacando o “alto nível” de desempenho dos jogadores da seleção francesa.

“Os jogadores provaram que continuam a ter um desempenho de alto nível, há jogos que não dominamos por completo, e em setembro empatámos em dois jogos, mas o balanço continua a ser positivo. Aqui tivemos de defrontar duas boas equipas europeias. A melhor era a Bélgica e a Espanha hoje [domingo], e, mesmo sem a presença de alguns jogadores, criaram dificuldades. A melhor vitamina é ganhar o jogo, e ainda melhor quando um título está em jogo”, afirmou.

Também Karim Benzemá manifestou o seu orgulho e felicidade por ter conquistado o primeiro título com a camisola de França.

“Estou muito orgulhos e muito feliz, sobretudo pelos nossos quatro jogos muito bons, de alto nível. Temos sempre de nos esforçar para ganhar, conseguimos, estou muito contente pela equipa.”