Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Futebol internacional

Pedri vence o prémio Golden Boy 2021

O jogador espanhol do Barcelona conquistou o prestigiado galardão, atribuído pelo jornal italiano "Tuttosport" ao melhor sub-21 a atuar na Europa

Tribuna Expresso

Soccrates Images/Getty

Partilhar

Pedri González, jogador espanhol de 18 anos do Barcelona, é o vencedor da edição de 2021 do prémio Golden Boy, troféu organizado pelo jornal italiano "Tuttosport" que distingue o melhor futebolista sub-21 a militar no futebol europeu.

O médio sucede a Erling Haaland, que arrebatou o prémio em 2020, juntando-se a uma lista que tem dois portugueses: João Félix ganhou em 2019 e Renato Sanches em 2016.

Na lista inicial de nomeados para esta edição havia nove jogadores portugueses: Nuno Mendes, Joelson Fernandes, Tiago Tomás, Gonçalo Ramos, Umaro Embaló, Francisco Conceição, Fábio Silva, Marcos Paulo e Félix Correia. Na lista final de 20 candidatos, apenas Nuno Mendes se manteve entre os escolhidos.

Pedri é o terceiro espanhol, depois de Isco e Cesc Fàbregas, a ser distinguido com o Golden Boy, que foi criado em 2003. É o segundo jogador do Barcelona a levar o prémio para casa, após Messi.

Formado no Las Palmas, Pedri integrou o plantel do Barcelona na época passada e rapidamente se tornou numa das novas figuras do futebol espanhol. Em 2020/21, realizou 52 jogos pelos catalães, marcando quatro golos.

As exibições do médio pelo Barça valeram-lhe a confiança de Luís Enrique, que já o colocou em 10 partidas da seleção espanhola. No Euro 2020, Pedri realizou seis jogos, tendo pouco depois feito outros tantos encontros nos Jogos Olímpicos, ajudando Espanha a conquistar a medalha de prata.

Vindo de Tóquio, o jovem integrou diretamente a nova época do Barcelona, só depois tendo direito a um período de férias. Na presente campanha, Pedri tem tido alguns problemas físicos, pelo que ainda só realizou quatro jogos pelos culés.

Recentemente, o Barcelona renovou contrato com o médio. Pedri assinou um novo vínculo com o clube, o qual é válido até 2026 e possui uma cláusula de rescisão de mil milhões de euros.

Palmarés do Golden Boy

2003: Rafael Van der Vaart
2004: Wayne Rooney
2005: Lionel Messi
2006: Cesc Fàbregas
2007: Sergio Aguero
2008: Anderson
2009: Alexandre Pato
2010: Mario Balotelli
2011: Mario Götze
2012: Isco
2013: Paul Pogba
2014: Raheem Sterling
2015: Anthony Martial
2016: Renato Sanches
2017: Kyllian Mbappé
2018: Matthijs de Ligt
2019: João Félix
2020: Erling Haaland
2021: Pedri González

  • Pedri, o fenómeno fora de toda a lógica
    Euro 2020

    É pequeno, franzino e dono de uma fraca figura que encantaria poucos ou nenhum treinador que, antes de tudo, olha para o físico. Mas, dentro da cabeça, Pedri sabe pensar e ver e jogar futebol como, talvez, nunca um futebolista de tão só 18 anos o tenha feito ao nível a que o espanhol está a fazer