Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

"Não é fácil, ao intervalo, as pessoas olharem para a tabela classificativa e verem o Santa Clara com os mesmos pontos que o Benfica"

João Henriques revoltado com a derrota frente ao Sporting, num jogo que teve, na sua opinião, um resultado injusto. Após a derrota por 2-1, o treinador do Santa Claro sublinhou que será muito difícil tirar a sua equipa dos primeiros lugares do campeonato

Tribuna Expresso

HUDO DELGADO/LUSA

Partilhar

Injustiça

"Resultado injusto, primeiro. Porque nós tivemos muito trabalho para chegar aqui. Com as dificuldades do tempo, das condições, do adversário. Nós não temos medo de ninguém, encaramos todos os adversários olhos nos olhos e não nos vão conseguir tirar daqui de cima da tabela"

Revolta no balneário

"Tenho um balneário revoltado, pelo resultado. Tenho um balneário revoltado porque sentia que podia ganhar ao Sporting e todos nós desejamos que o campeonato que seja equilibrado. Eu sei que não é fácil, ao intervalo, as pessoas olharem para a tabela classificativa e verem o Santa Clara à frente do Sporting e com os mesmos pontos que o Benfica. Mas é com muito trabalho, muito amor e muita dedicação. Sai da pele deles, do suor, de todas as contrariedades e eles mereciam essa classificação. Mais uma vez mostrámos que somos uma equipa a ter em conta neste campeonato"

Grande penalidade

"Não é penálti. É a minha opinião. Houve 50 lances daqueles a meio-campo que não foram marcados e ali marcou-se uma falta. Curiosamente o árbitro nem sabia a quem tinha de mostrar cartão amarelo. Na nossa opinião, não há penálti e o lance muda todo o cariz do jogo. Formos uma equipa mais consciente daquilo que pedia o jogo e saímos daqui muito tristes porque estes 3 pontos eram muito importantes para lutar por aquilo que queremos, que é a manutenção"