Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Covid-19: jogadores já não vão dar passou-bem na Liga

A Liga Portuguesa de Futebol Profissional decretou, este domingo, que, devido ao surto de Covid-19, está "suspenso o cumprimento inicial de aperto de mãos entre as equipas e equipa de arbitragem". Nem as crianças vão entrar em campo de mão dada com os jogadores

Tribuna Expresso

Cumprimentos como este, entre Pizzi e Pyatov, capitão do Shakhtar Donetsk, já não serão vistos, por enquanto, em Portugal.

Soccrates Images

Partilhar

Até ver, os jogadores da primeira e segunda ligas já não se cumprimentam antes de os jogadores começarem, quando se alinham virados para uma bancada. Tão pouco vão entrar em campo de mãos dadas com crianças, como é costume.

A decisão é da Liga de Clubes, que vai aplicar imediatamente as "recomendações que constam no comunicado oficial n.º 409 da Federação Portuguesa de Futebol (FPF)", com o objetivo de "minimizar os potenciais riscos de transmissão do Covid-19".

Em Portugal, já foram registadas 25 pessoas infetadas. Dezassete delas estão internadas no Hospital de São João, no Porto.

É expectável, portanto, que as medidas sejam já aplicadas nos jogos agendados para este domingo na Liga NOS e na Liga Pro, primeira e segunda divisões de futebol profissional. O Campeonato de Portugal, equivalente ao terceiro escalão, é organizado pela FPF.