Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Ivo Vieira viu "dois treinadores a tentar ganhar o jogo" no V. Guimarães - Sporting

Após o empate com o Sporting por 2-2, o treinador do V. Guimarães lamentou que o público não tivesse a oportunidade de assistir no estádio àquilo que podia ter sido "um espectáculo fantástico"

Tribuna Expresso

HUGO DELGADO/LUSA

Partilhar

Dedicatória

“Dedico este jogo a todos os que não conseguiram estar cá e a todos os que não podem ir aos estádios. Independentemente do resultado, até podíamos ter ganhado, mas não é a mesma coisa. Podem dar a volta que quiseram. Foi um jogo com quatro golos e mais oportunidades, podia ter sido um espectáculo fantástico com adeptos, mas não dá. Quero dedicar isto a todos os vitorianos pelo mundo que nos apoiam”

O jogo

“Há que valorizar o trabalho da equipa, jogámos cerca de 10 minutos com menos um contra um Sporting forte, bem organizado e com um fio de jogo já diferente. O Rúben teve tempo para implementar o seu jogo, já vinha de um processo num clube diferente em que teve sucesso. A tarefa era difícil, mas os jogadores deram uma resposta fantástica. Fomos infelizes nos dois golos que sofremos”

Uma espécie de pré-época

“Isto é quase uma pré-época depois de uma paragem de quase 90 dias. Vimos alguns erros no passe e na tomada de decisão. A intensidade não será como antes, mas à medida que o campeonato vá decorrendo, os índices físicos vão voltar à normalidade”

Tentativa final

“Os três defesas do Sporting fizeram um trabalho árduo a equilibrar e aos 75 minutos percebi e quis meter o Bruno para ganhar bolas na profundidade. O Rúben fez o mesmo. Foram dois treinadores que tentaram ganhar o jogo, com a consciência de que os índices físicos não são os melhores. Não me quero refugiar nisso, porque estamos todos no mesmo ponto”