Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Liga mantém FC Porto-Boavista na noite de São João

O FC Porto-Boavista da Liga NOS não vai ser adiado, apesar de os autarcas de Porto e Gaia terem manifestado a sua "preocupação" ao Governo, às autoridades de saúde e à Liga pela realização da partida, por temerem que o jogo se transforme num "foco de concentração indesejado de adeptos"

Isabel Paulo

MIGUEL RIOPA/LUSA

Partilhar

Liga Portugal decidiu convocar uma reunião de urgência, com responsáveis do FC Porto e do Boavista, da PSP e da Câmara Municipal do Porto, encontro em que serão definidas as regras de segurança do dérbi portuense, referente à 28º jornada e marcado para terça-feira (21h15), noite de São João.

A reunião, que vai decorrer esta tarde, pelas 15h30, na sede da Liga, no Porto, tem como propósito garantir que toda a operação de segurança decorrerá dentro da normalidade necessária para que o jogo se realize na data previamente agendada

Rui Moreira, presidente da Câmara do Porto, e de Eduardo Vítor Rodrigues, presidente da Câmara de Vila Nova de Gaia, recém-eleitos membros do Conselho Superior do FC Porto, após terem reunido quarta-feira com os responsáveis pela PSP, Polícia Municipal, Proteção Civil Municipal, CP, Metro do Porto e STCP, acordaram em manifestar "preocupação" ao Governo, às autoridades de saúde e à Liga pela realização da partida, temendo "um foco de concentração indesejado de adeptos".

Este ano, embora o Porto não registe novos casos de covid-19 há duas semanas, a autarquia decidiu cancelar todos os festejos da noite mais longa da Invicta.