Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Há confiança em Braga: "Queremos dominar 90% do jogo. A equipa já está com umas dinâmicas muito engraçadas"

André Horta é a voz da ambição que reina em Braga, onde a época continua a ser preparada de forma intensa. Quarta-feira, os bracarenses vão à Luz defrontar o Benfica (19h, BTV)

tribuna expresso e lusa

HUGO DELGADO/EPA

Partilhar

O futebolista André Horta disse hoje que a filosofia do Sporting de Braga passa por ter "quase sempre a bola" e "dominar 90 por cento do jogo", porque assim a equipa estará "sempre mais perto de ganhar".

Qualificando de "intensas" as primeiras semanas da pré-época, o médio de 23 anos, que vai para a sua terceira época no Sporting de Braga (segunda consecutiva), referiu que a "filosofia é sempre a mesma: jogar sempre para ganhar".

"Queremos ter o maior controlo do jogo possível, ter quase sempre a bola, dominar 90 por cento do jogo, todos os momentos do jogo, e assim estamos sempre mais perto de ganhar", disse aos meios do clube.

Entre o final da época passada e o início da temporada 2020/21 passaram pouco mais de 15 dias, o que o jogador considera poder ser positivo porque os jogadores acabaram "por não perder muito da condição física".

"É mais fácil para o treinador começar a introduzir novas ideias e conteúdos, que vamos conseguir mais facilmente perceber e meter em prática. A equipa já está com umas dinâmicas muito engraçadas, mas acho que podemos evoluir muito mais e amanhã [quarta-feira, diante do Benfica, no Estádio da Luz] já temos um bom teste para pôr em prática", disse.

O médio quer melhorar os seus números

André Horta, que marcou um golo no último particular, na vitória por 3-0 sobre o Paços de Ferreira, revelou estar a jogar "numa posição diferente".

"[Estou a jogar] Um pouco mais avançado em relação ao que costumava, mais perto da baliza. Tenho conseguido contribuir com golos, mas o mais importante é jogar bem e conseguir perceber as ideias do treinador para quando chegar à primeira jornada estar pronto para jogar", explicou.

Com 38 jogos (25 no campeonato) e quatro golos (nenhum na I Liga) na última temporada, André Horta quer melhorar os seus números.

"A época passada fui o 10.º jogador mais utilizado do plantel, este ano quero fazer melhor. Fiz quatro golos e cinco assistências e quero melhorar os meus números em termos de jogos, golos e assistências para ajudar ainda mais a equipa", disse.

Luís Filipe Vieira fala aos sócios na newsletter do Benfica: "A credibilidade é um dos nossos principais títulos conquistados"

O presidente do Benfica elogiou Jorge Jesus e diz que o Benfica está a viver um momento de "confiança alicerçada numa redobrada ambição"