Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Vasco Seabra de saída do Boavista

O Boavista e o treinador chegaram a acordo para terminar a ligação, depois de nove jornadas. Miguel Cardoso poderá ser o substituto

Octavio Passos/Getty

Partilhar

Vasco Seabra está de saída do Boavista. A informação ainda não é oficial, mas de acordo com o Maisfutebol, a rescisão deverá ficar acertada ainda esta terça-feira.

O técnico de 37 anos tinha assinado contrato de duas temporadas com o clube em julho deste ano. Sucedeu a Daniel Ramos, que conduziu o Boavista ao 12.º lugar da I Liga, depois de ter chegado a meio da temporada para substituir Lito Vidigal.

Vasco Seabra regressou ao primeiro escalão no comando técnico do Boavista, após ter estado no Paços de Ferreira, em parte das temporadas de 2016/17 e 2017/18. Seabra tinha orientado também o Clube Desportivo de Mafra, que ocupava o quarto lugar na II Liga, aquando da interrupção da competição devido à pandemia de covid-19.

Contudo, ao fim de nove jornadas, o Boavista está desiludido com a prestação da equipa: 16º e antepenúltimo lugar, com apenas oito pontos e uma vitória (frente ao Benfica).

Miguel Cardoso, ex-treinador do Rio Ave e do Celta, poderá ser o sucessor de Seabra.

  • Vasco Seabra e o jogo, o modelo e a estratégia: “Tinha um jogador que, ao 1-0, dizia: 'Ó mister, agora já não é para jogar, é para ganhar'”
    No banco com os misters

    Com um dos orçamentos mais baixos da 2ª Liga, o Mafra surpreendeu ao posicionar-se na luta pela subida, cortesia de um coletivo (que vai do 4-2-3-1 ao 2-2-6) liderado por Vasco Seabra. O treinador que chegou à 1ª Liga aos 33 anos, ao assumir o Paços de Ferreira, conta à Tribuna Expresso que, tal como o colega que tem como referência, Paulo Fonseca, teve de dar um passo atrás na carreira, nos sub-23 do Estoril Praia, onde reencontrou a paixão pelo jogo e pelo treino, consolidando um modelo do qual não abdica e que faz questão de explicar aos dirigentes: "Presidente, não quero que daqui a três meses, porque a equipa está a empatar e fez três passes para o guarda-redes, me venha chamar para dizer que quer meter a bola na frente"