Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Contos do jogo que pode salvar uma época

Carlos Carvalhal e Jorge Jesus: ambos precisam de um troféu para fechar a época com o sucesso possível, este domingo, em Coimbra (20h30, TVI)

Lídia Paralta Gomes

MIGUEL RIOPA

Partilhar

Este domingo (20h30, TVI), no Estádio Cidade de Coimbra, fica fechada a temporada 2020/21, comprimida em menos meses do que o costume (efeitos colaterais da pandemia), com a final da Taça de Portugal entre SC Braga e Benfica, uma decisão inédita entre duas equipas que queriam mais desta época.

Final inédita

Parece impossível, mas em 81 edições nunca o confronto decisivo se tinha jogado entre Benfica e SC Braga — 2020/21 será, portanto, temporada com uma final inédita na história da Taça de Portugal. Em outras eliminatórias, SC Braga e Benfica já jogaram um total de 12 vezes na Taça, e o frente a frente está bem dividido, com sete vitórias para os encarnados e cinco para os minhotos. O último duelo aconteceu na última edição, ainda pré-pandemia, nos oitavos de final, com triunfo para o Benfica por 2-1. No banco, dois técnicos que não acabariam a época: Bruno Lage e Sá Pinto. Os encarnados seguiram até à final, onde seriam derrotados pelo FC Porto.

Artigo Exclusivo para assinantes

No Expresso valorizamos o jornalismo livre e independente

Já é assinante?
Comprou o Expresso? Insira o código presente na Revista E para continuar a ler