Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Futebol nacional

Morreu Neno, antigo guarda-redes do Benfica e da seleção nacional

Notícia foi avançada pelo V. Guimarães, onde passou os últimos quatro anos da carreira. Neno tinha 59 anos e sofreu de doença súbita na noite de quinta-feira

Tribuna Expresso

D.R.

Partilhar

Morreu Neno, antigo guarda-redes do Benfica, do V. Guimarães e também internacional por Portugal. A notícia foi avançada pela equipa vimaranense, onde o jogador desempenhou cargos institucionais depois de acabar a carreira.

O guardião, nove vezes internacional por Portugal, tinha 59 anos e faleceu na noite de quinta-feira, vítima de doença súbita.

Nascido em Cabo Verde, Neno começou a jogar no Barreirense, transferindo-se depois para o Benfica, onde atuou durante sete temporadas. Pelo meio, uma temporada no V. Setúbal e duas passagens pelo V. Guimarães, em 1984/85 e entre 1988 e 1990.

Seria no V. Guimarães que faria as últimas quatro temporadas da carreira, abandonando o futebol em 1999. Seria na Cidade Berço que continuaria, inicialmente como diretor desportivo. No Vitória foi ainda relações públicas, treinador de guarda-redes e embaixador. Ficou ainda conhecido pela sua carreira na música.

Neno foi campeão nacional em três ocasiões e venceu a Taça de Portugal também três vezes. Estava ainda na equipa do Vitória que venceu a Supertaça em 1988, um título que foi uma das grandes alegrias da sua carreira, conforme confessou numa entrevista à Tribuna Expresso em julho de 2020.