Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Jesus é brasileiro

Flamengo sofre goleada e perde invencibilidade de 28 jogos. O "engripado" Jesus compreendeu: "O time estava meio desligado"

Os jogadores já estão com a cabeça na disputa do Mundial, disse Jesus, após a derrota por 4-0 com o Santo, que fechou o campeonato Brasileiro. A Tribuna Expresso convidou o jornalista brasileiro Plínio Fraga para escrever sobre Jorge Jesus e o Flamengo com o tom, o sotaque e o ritmo certos do Brasilerão

Plínio Fraga, no Rio de Janeiro

Alexandre Schneider

Partilhar

No duelo dos melhores treinadores do campeonato brasileiro, o Flamengo de Jorge Jesus levou goleada de 4 a 0 do Santos do argentino Jorge Sampaoli, na Vila Belmiro, em Santos (SP).

A vitória assegurou ao Santos o vice-campeonato e derrubou a a invencibilidade de 28 jogos do Flamengo.

Com o time de Jesus apático, o Santos venceu com dois gols do meio-campista uruguaio Sánchez, um do atacante Marinho e outro do atacante Sasha. A diferença de empenho na partida destoou em favor do Santos, que deu 21 chutes a gol contra apenas 5 do Flamengo.

“Ganhar sempre é importante, não viemos para perder. Mas taticamente o time estava meio desligado. A maior parte dos jogadores está com a cabeça no Mundial de Clubes [a ser disputado neste mês no Qatar]. Não podemos deixar de dar mérito ao Santos, uma equipe competitiva. O fato de o Flamengo não ter sido a equipe que normalmente é foi por já ter vencido o campeonato”, justificou Jesus, ele próprio menos falante e agitado no banco de reservas. “Estou meio gripado”, afirmou.

O Flamengo estava sem perder desde 4 de agosto, quando foi derrotado por 3 a 0 pelo Bahia, em Salvador. A última rodada reservou a pior derrota do time de Jorge Jesus no Flamengo em seis meses no cargo de treinador. Jesus não acredita que o resultado tenha influência no Mundial. “Não vai abalar nada.”

O treinador português reafirmou que vitória ou derrota do Flamengo no Mundial de Clubes não influenciará em sua decisão se continua ou não no clube. “Tenho contrato até maio e vou cumpri-lo. Gosto do Flamengo, sou acarinhado aqui como nunca fui em outra parte do mundo.”

O Campeonato terminou com o Flamengo batendo o recorde de gols e de pontos obtidos por um clube: foram 86 gols e 90 pontos (28 vitórias, 6 empates e apenas 4 derrotas).