Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Tóquio 2020

Tóquio 2020

Jogos Olímpicos

O sonho do Golden Slam continua de pé: Djokovic já está nas meias-finais do torneio olímpico

Depois de bater o japonês Kei Nishikori (6-2, 6-0), o tenista sérvio continua na correria para vencer os quatro Grand Slam na mesma temporada e a medalha de ouro olímpica. Segue-se o alemão Alexander Zverev

Lusa

Clive Brunskill

Partilhar

O sérvio Novak Djokovic garantiu esta quinta-feira presença nas meias-finais do torneio olímpico de ténis Tóquio2020, num dia marcado pelo afastamento do russo Daniil Medvedev e pela definição da final feminina, que oporá Belinda Bencic a Marketa Vondrousova.

Na luta pelo ‘Golden Slam’, ou seja, vencer os quatro ‘Grand Slam’ na mesma temporada e a medalha de ouro olímpica, Djokovic, líder da hierarquia mundial, bateu o tenista da casa Kei Nishikori, por 6-2 e 6-0, marcando encontro na fase seguinte com o alemão Alexander Zverev, que se impôs ao francês Jeremy Chardy, por 6-1 e 6-4.

A outra meia-final do torneio olímpico vai colocar frente a frente Karen Khachanov, que compete sob bandeira do Comité Olímpico da Rússia, e Pablo Carreno Busta.

Esta quinta-feira, o espanhol protagonizou a surpresa do dia, ao ‘atirar’ para fora do torneio o russo Medvedev, segundo da classificação mundial, impondo-se por 6-2 e 7-6 (7-5).

No torneio feminino, a suíça Belinda Bencic foi a primeira a garantir presença na final, batendo a cazaque Elena Rybakina, por 7-6 (7-2), 4-6 e 6-3, um encontro que durou quase três horas.

Bencic vai defrontar na final a checa Marketa Vondrousova, responsável pelo afastamento de Naomi Osaka, líder do ‘ranking’ mundial nos oitavos de final, que hoje derrotou a ucraniana Elina Svitolina.

A presença de Belinda Bencic na final olímpica garante à Suíça, que em Tóquio não conta com Roger Federer e Stan Wawrinka, a conquista de uma medalha no ténis, algo que acontece de forma consecutiva desde Pequim2008.

A final de pares masculinos será totalmente croata, com a dupla Marin Cilic/Ivan Dodig a defrontar os compatriotas Nicola Mekyic e Mate Tavic.