Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Tóquio 2020

Tóquio 2020

Jogos Olímpicos

Auriol Dongmo é 4.ª na final do peso. Faltaram cinco centímetros para a medalha

A atleta de 30 anos esteve muito perto de dar nova medalha a Portugal: os 19.57 não chegaram para o pódio, que estava a apenas cinco centímetros desta marca

BEN STANSALL/Getty

Partilhar

Cinco centímetros. Foi o que faltou a Auriol Dongmo para chegar a uma medalha na final do peso nos Jogos Olímpicos de Tóquio. A atleta de 30 anos teve ccomo melhor marca 19.57, à quarta tentativa, ficando atrás da duas vezes campeã olímpica Valerie Adams, que teve como melhor lançamento 19.62.

Auriol, que tem como recorde pessoal (e nacional) 19.75, começou o concurso com 19.29, chegou a andar pelo terceiro lugar, numa luta pelas medalhas que cedo ficou restrita a quatro atletas: a chinesa Lijiao Gong, a norte-americana Raven Saunders, a neo-zelandesa Adams e Dongmo. Assim estava a ordem no final dos três primeiros lançamentos, e assim ficou a classificação final.

Gong foi campeã olímpica com 20.58, recorde pessoal e a passar a ferro a concorrência. Saunders teve como melhor marca 19.79 e Valerie Adams 19.62.