Tribuna Expresso

Perfil

Lá Em Casa Mando Eu

Lá em Casa Mando Eu crê que Otávio seria neste momento o único indiscutível do meio-campo do FC Porto, não fosse o Herrera estar tão giro

Sobre Brahimi, parece que ainda falta um bocadinho para chegar o nível de espectáculo a que habituou os adeptos do FC Porto, espectáculo, essa coisa agora mal vista para os lados do Dragão. O Brahimi é feio, pronto

Lá em Casa Mando Eu

JOSE COELHO/EPA

Partilhar

Casillas

Se era para isto, podíamos ter deixado na baliza a grande dupla Maria Amélia Canossa e António Lourenço. Sempre animavam musicalmente quem está ali atrás daquela baliza onde não se passa nada.

Maxi

A idade realmente torna algumas coisas muito melhores: o vinho, o George Clooney e o FC Porto. Oi? Esqueci-me de alguém?

Felipe

Os jogadores do Tondela pareceram-me bastante preocupados com a sua presença na próxima jornada, tentando provocar várias vezes o nosso central (como se ele fosse um selvagem como aquele argentino, o Conti). Mas Felipe reagiu sempre com a calma que se impõe nestas situações: prometeu a devida porrada para encontros futuros.

Éder Militão

Continuamos sem sofrer golos no campeonato com ele em campo e fica já prometido que, se puder escrever o mesmo no dia 7 de outubro, vou agradecer-lhe em oração antes de ir dormir para o sofá.

Alex Telles

Marca tão bem os cantos que agora está a passar para os livres, só para tramar as pessoas que têm de escrever coisas engraçadinhas sobre estes rapazes.

Sérgio Oliveira

Voltou à titularidade com uma boa exibição e até esteve perto de marcar, num cabeceamento que foi ao poste. Bem vistas as coisas, esteve muito bem Sérgio Conceição a proteger o senhor comendador Danilo do árbitro Luís Godinho.

Herrera

Receio que continue sem estar ao seu melhor nível no que a passes e jogadas de futebol diz respeito. No entanto, era difícil pedir-lhe mais ao nível de capa de revista masculina. Se aquelas fotografias sensuais não forem suficientes para a sua autoestima, a boa notícia é que para a semana vai à Luz.

Otávio

Provavelmente o melhor em campo, de certeza uma das melhores exibições com a camisola do FC Porto. Começou mais encostado à direita e criou perigo, foi caminhando para o meio e pautando o jogo da equipa e acabou mais lá para trás, a pegar na bola e fintar meia equipa do Tondela. Neste momento, seria o único indiscutível do nosso meio-campo, não fosse o Herrera estar tão giro.

Brahimi

Parece que está de volta o Brahimi mais perigoso e desequilibrador, tendo aparecido em várias zonas do terreno para incomodar uma equipa bem organizada defensivamente. Arriscou mais, até pode ter perdido mais bolas, mas lutou sempre para as recuperar. Como se trata de Brahimi, ainda falta mais um bocadinho para chegar ao nível de espetáculo a que nos habituou. Eu disse espetáculo? Peço imensa desculpa. Nada disso, não queremos nada que se assemelhe sequer a isso. Que horror, agora um espetáculo. O Brahimi é feio, pronto, ficamos por aqui.

Marega

Teve alguns bons pormenores na primeira parte, mas desapareceu quase por completo nos segundos 45 minutos. Está ainda muito longe do que nos mostrou na época passada, com o acréscimo de ainda ter de nos fazer esquecer aquela altura em que foi pirateado por um hacker que queria muito que ele saísse do FC Porto.

Aboubakar

Há noites em que realmente uma pessoa mais vale nem sair de casa. Aos 43 minutos, não chegou a um cruzamento de Marega em que só precisava de encostar e ficou deitado dentro da baliza, como se assim ninguém reparasse. Mais tarde, aos 60, cabeceou tão mal que ficou lesionado e acabou por sair. Desejo-lhe as mais sinceras melhoras, tanto ao nível físico como filosófico, que é sempre aquele campo em que Aboubakar me parece mais profundo.

Corona

Mal entrou fez um cruzamento perigoso, mas depois acabou a pseudo-lateral-direito, para deixar o terreno mais adiantado ao pseudo-Hernâni.

Soares

Foram precisos 125 anos de história para o guarda-redes Cláudio Ramos facilitar num lance contra o FC Porto, permitindo assim que Soares tenha aproveitado para fazer o único golo da partida. O avançado brasileiro acabou o jogo com a cabeça a sangrar, mas felizmente não está inscrito na Liga dos Campeões e tem tempo para recuperar bem para o clássico.

Hernâni

É rápido.