Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Lá Em Casa Mando Eu

Nesta altura da vida era Ricardo Quaresma que devia estar muito preocupado com Zaidu. O contrário não se compreende

Catarina Pereira, metade portista do Lá em Casa Mando Eu, nem hesitou ao escrever a frase que dá título a esta análise humorística à vitória (2-3) do FC Porto em Guimarães, onde dois golos foram marcados por Taremi, por quem "pelo sim, pelo não", esta cronista já guardou "uma das 12 passas para pedir a titularidade dele em 2021"

Catarina Pereira, Lá em Casa Mando Eu

Quality Sport Images

Partilhar

Marchesín

Acabou o ano a sofrer dois golos e a ganhar a partida, num bom resumo de 2020 se fosse um jogo de futebol: começou mal, passou mesmo muito tempo a ser mau, mas acabou com uma bela e esperançosa reviravolta no fim.

Manafá

10, 9, 8, 7, 6, 5, 4, 3, 2, 1... Tanto posso estar aqui a começar a contagem decrescente para a passagem do ano como a contagem dos adversários que falta Manafá ultrapassar para marcar aquele golo sempre a correr de um lado ao outro do campo.

Pepe

Teve de abandonar o relvado muito cedo, talvez por estar lesionado, talvez porque se não é contra o Benfica nem dá pica jogar de máscara, uns dias após uma operação.

Diogo Leite

Teve azar no primeiro golo sofrido, uma vez que a bola bate nele e engana Marchesín, mas compensou com mais uma exibição segura e uma enorme demonstração de qualidade. Não há piada aqui, só admiração.

Zaidu

Esteve muito preocupado com Ricardo Quaresma, o que não se compreende, porque nesta altura da vida era Ricardo Quaresma que devia estar muito preocupado com Zaidu. (eu escrevi isto e nem hesitei, sim senhora)

Sérgio Oliveira

Não esteve propriamente espectacular e não parecia na sua melhor forma, mas eu estou há cinco dias a comer rabanadas, aletria, bacalhau, chocolates e bonbons, por isso quem sou eu para julgar?

Uribe

Perdeu a bola que deu o primeiro golo do Vitória e colocou o avançado do Vitória em jogo no segundo. Passei o mês de Dezembro a avisar os meus filhos que ficavam sem prendas do Pai Natal se se portassem mal, até quando é aceitável estender este aviso a Uribe?

Romário Baró

Foi titular porque Otávio disse umas cenas há 4 meses e poderá ter nova oportunidade 4 meses após Otávio dizer outras cenas. Serão 4 longos meses para Romário Baró depois de não ter encaixado hoje, mas é uma questão de esperar 4 meses a partir do momento em que Otávio disser cenas.

Corona

Acompanhei a polémica sobre o primeiro vacinado contra a covid-19 em Portugal ter sido um diretor de serviço de doenças infecciosas e médico do SNS há 40 anos e também acho que devíamos ter começado pelo Corona.

Taremi

Marcou dois golos e já faltará convencer pouca gente de que é o melhor avançado do FC Porto. Pelo sim, pelo não, já guardei uma das 12 passas para pedir a titularidade dele em 2021.

Marega

Fez a assistência para o primeiro golo, mas nunca poderia ter estado tão bem neste jogo como no último em Guimarães. Contra o racismo, sempre.

Sarr

As lesões não têm deixado estabilizar a dupla de centrais, mas as boas exibições dos centrais têm safado as duplas.

Luis Díaz

Entrou logo aos 32 minutos, porque era preciso mexer com a equipa e foi exatamente isso que ele fez. Com um golo e uma assistência, fez uma exibição com nota artística. Uma estupidez da parte dele, uma vez que não havia adeptos no estádio.

Fábio Vieira

Enquanto escrevo isto, a luz apaga-se no estádio e Sérgio Conceição está com medo que se ligue a rega para os campeões. Não poderei dizer melhor, por isso desisto já.

Grujic

Terminou um mês de Dezembro terrível, a anteceder um mês de Janeiro terrível. Os meses são todos terríveis quando se ganha muito, fogo, que canseira.