Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Lá Em Casa Mando Eu

Sérgio Oliveira bateu mal os livres, mas há que dar aquele desconto de quem acabou de passar quase duas semanas com o Cristiano Ronaldo

Catarina Pereira, metade portista do Lá em Casa Mando Eu, relativizou humoristicamente o ritmo de Uribe, porque "se tivesse que enfrentar o Kanté dentro de uns dias, também fazia tudo para poupar energia". E congratulou a "mais uma ou duas medidas abençoadas restritivas que impedem o empresário de Marega de vir tratar da renovação ao Porto"

Catarina Pereira, Lá em Casa Mando Eu

Octavio Passos/Getty

Partilhar

Marchesín

Parabéns ao Santa Clara pelo bom jogo que fez. Há uma semana, os relógios adiantaram-se uma hora e hoje estava a ver que nos íamos atrasar um lugar ou dois.

Nanu

O Nanu hoje fez uma aposta antes do jogo e prometeu a um amigo pagar-lhe um milhão de euros se acertasse um cruzamento.

Pepe

Começou o jogo a fazer um mau atraso para o Marchesín só para ver se estávamos todos atentos ou ainda estávamos a dormir por causa dos jogos da seleção.

Diogo Leite

Fez um penálti, alguns cortes importantes e esteve sempre com um ar ligeiramente triste, de quem já não está habituado a ser o único Diogo em campo.

Manafá

A aposta do Nanu foi com o Manafá, que aceitou logo, entrou em jogo e também poupou um milhão de euros hoje.

Sérgio Oliveira

Reparei que hoje bateu mal os livres, mas temos de lhe dar aquele desconto de quem acabou de passar quase duas semanas com o Cristiano Ronaldo.

Uribe

Não controlámos nada o jogo, mas eu, se tivesse que enfrentar o Kanté dentro de uns dias, também fazia tudo para poupar energia. Hoje nem me levantei do sofá o jogo todo só para estar bem para quarta, posso lá criticar o Uribe.

Otávio

Jogou mais atrás e pareceu-me mais pesado, quiçá cheio de notas de dinheiro nos calções e nas botas. Agora que já renovaste e estás preso legalmente a nós não há cá mimo, vamos lá jogar mais mas é.

Luis Díaz

É como uma peça de roupa que fica bem na foto que vemos na net, até nos parece bem na montra quando conduz a bola e que fica a matar para dias de gala como a Champions, mas às vezes convinha-nos uma coisa mais prática para o dia-a-dia, que disfarçasse os excessos do confinamento. Nem todos podem ser o Corona.

Marega

A partir de segunda-feira, volta a ser permitido circular entre concelhos, mas penso que ainda temos mais uma ou duas medidas abençoadas restritivas que impedem o empresário de Marega de vir tratar da renovação ao Porto.

Taremi

Há quem não goste daquela forma como ele obriga os adversários a fazerem-lhe falta na grande área, mas o que me preocupa mesmo é como ele não anda a provocar o contacto com o golo.

Corona

Tentámos que ele pudesse descansar hoje, mas lá teve de sacar uma assistência para o golo da vitória. Que canseira, pá.

Fábio Vieira

Gostei muito da sua entrada e da forma nada complexada como assume a bola, mas gostava que melhorasse nas bolas paradas. Houve ali uma altura em que o FC Porto teve tantos cantos a favor que me lembrei que, no tempo do Alex Telles, chamávamos a isto "goleada".

Francisco Conceição

Há duas semanas, no Dia do Pai, os meus filhos deram ao pai uns desenhos e uns trabalhos manuais muito criativos. O Francisco deu 10 sprints, 50 burpees e 100 flexões.

Toni Martínez

Marcou um golo no último minuto e deu-nos a vitória ou, como se diz agora, fez um Sporting.

Evanilson

Venha lá o Chelsea, então, que pelo menos hoje já não sofremos mais.