Tribuna Expresso

Perfil

Liga dos Campeões

Dortmund qualificado para os oitavos-de-final da Champions

O Dortmund empatou com a Lazio mas passou à próxima fase, enquanto o PSG foi a Old Trafford derrotar o United

Lusa

Alexandre Simões/Getty

Partilhar

O vice-campeão da Europa de futebol, o Paris Saint-Germain, impôs-se hoje por 3-1 em casa do Manchester United, complicando a vida aos ‘red devils’, numa quinta jornada da Liga dos Campeões que qualificou o Borussia Dortmund.

Com o campeão em título Bayern Munique (Grupo A), o Manchester City e o FC Porto (C), Liverpool (D), Chelsea e o Sevilha (E), o FC Barcelona e a Juventus (G) já com um lugar cativo na ronda dos 16 melhores da Europa, hoje foi a vez dos germânicos, que empataram 1-1 em casa com a Lázio, com golo do português Raphael Guerreiro.

No jogo grande do dia, no grupo H, o Manchester United de Bruno Fernandes perdeu por 1-3 com o Paris Saint-Germain de Danilo, obrigado a vencer para não chegar à última ronda a depender de terceiros: levou os três pontos e complicou o futuro do United na prova, pois os rivais ficaram igualados em pontos com Leipzig, que receberá os ‘red devils’ no desafio decisivo.

Os parisienses adiantaram-se aos seis minutos, com Neymar a aproveitar um ressalto e, com pouco ângulo na direita, a marcar, vantagem anulada aos 32, com Rashford, na área, a rematar e Danilo, infeliz, a desviar ligeiramente o curso da bola.

Cavani e Marquinhos empataram as equipas com bolas à trave, porém o brasileiro colocaria os forasteiros na frente aos 69, concluindo um lance algo confuso.

A expulsão do brasileiro Fred, no minuto seguinte, por acumulação de cartões amarelos, complicou ainda mais a missão dos ingleses, que viram Neymar bisar aos 90+1.

Manchester United, Paris Saint-Germain e Leipzig estão empatados com nove pontos, mas os alemães, que ganharam por 4-3, já nos descontos, na visita ao Basaksehir, recebem os ingleses na derradeira jornada, enquanto os gauleses recebem os turcos, reduzidos a três pontos.

Golo de Guerreiro

Emoção também na ‘poule’ F, com Borussia Dortmund de Raphael Guerreiro – o lateral esquerdo marcou golo com remate na zona do ponta-de-lança - e Lazio a empatar 1-1, enquanto o Club Brugge venceu o Zenit por 3-0 e ainda sonha com a qualificação, embora na derradeira jornada visite os italianos.

O Dortmund qualificou-se com 10 pontos, mais um do que a Lazio e três do que o Brugge, que se defrontam em Roma, enquanto o Zenit soma unicamente um.

Cristiano Ronaldo, ao fazer uma emenda em cima da linha de golo, marcou o segundo golo do triunfo da Juventus por 3-0 sobre o Dínamo de Kiev, o mesmo resultado com que o FC Barcelona ganhou fora ao Ferencvaros, destacando-se um calcanhar de Griezmann a abrir o ativo.

O jogo da Juventus com o Dínamo Kiev ficou também na história por ter a primeira mulher a arbitrar um partida da Liga dos Campeões de futebol, com a francesa Stéphanie Frappart a dirigir a partida.

No grupo G os espanhóis têm o pleno de 15 pontos, os italianos, que visitam a Catalunha, 12, enquanto ucranianos e húngaros têm apenas um.

Olivier Giroud foi o goleador da noite, com um ‘poker’ que valeu a goleada do Chelsea por 4-0 em casa do Sevilha, com tentos aos oito, 54, 74 e 83, resultado que valeu o primeiro lugar aos ingleses, com três pontos de avanço para os espanhóis, ambos já apurados.

O Krasnodar venceu o Rennes por 1-0 e ficou com quatro pontos, contra um do adversário, garantindo a qualificação para a Liga Europa.