Tribuna Expresso

Perfil

Modalidades

Seleção de andebol volta a vencer no Euro 2020

Depois de derrotar a favorita França, Portugal venceu a Bósnia, por 27-24

tribuna expresso e lusa

OLE MARTIN WOLD

Partilhar

A seleção portuguesa de andebol venceu hoje a Bósnia-Herzegovina, por 27-24, na segunda jornada do grupo D da fase preliminar do Euro2020, ficando mais perto do apuramento para a ronda principal da competição.

No pavilhão Trondheim Spectrum, a equipa das ‘quinas’, que ao intervalo vencia por 12-11, somou o segundo triunfo no Europeu, derrotando a estreante seleção dos Balcãs pela segunda vez em três embates.

Portugal, que ganhou na sexta-feira à França por 28-25, pode assegurar já hoje o apuramento na cidade norueguesa de Trondheim, caso os franceses, campeões europeus em 2006, 2010 e 2014, percam ou empatem com a anfitriã Noruega, vice-campeã mundial em exercício, no outro jogo da jornada, a disputar ainda esta tarde.

Hugo Figueira: “O Filipe Cruz levava uma aparelhagem gigante para o balneário e antes dos jogos ouvíamos sempre a música do 007”

É o guarda-redes mais internacional da história da seleção nacional e uma figura omnipresente nas últimas décadas do andebol português: esteve no grupo que há 20 anos conseguiu no Euro 2000, na Croácia, a melhor classificação de sempre de Portugal na competição e ainda ajudou na qualificação para o Euro 2020, que arrancou na quinta-feira e que marca o regresso da seleção a uma Campeonato da Europa, 14 anos depois da última participação. Aos 40 anos, Hugo Figueira vai ver de fora, desde o Luxemburgo, onde joga e vive desde o início desta temporada, a estreia de Portugal, esta sexta-feira (17h15, Sport TV1), frente a França