Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Modalidades

Começou o Campeonato do Mundo de Judo: 13 judocas portugueses em prova

Os judocas Catarina Costa, Maria Siderot e Rodrigo Lopes abrem a participação portuguesa nos Mundiais de Budapeste, prova em que Jorge Fonseca defenderá o título mundial dos -100 kg, conquistado em 2019

Lusa

SERGEI GAPON

Partilhar

Na competição, que decorre entre este domingo e 13 de junho, Portugal compete com 13 judocas, sete dos quais em lugar de qualificação olímpica, e outros dois, Rodrigo Lopes, nos -60 kg, e João Crisóstomo, nos -66 kg, ainda à procura de pontos no apuramento.

No primeiro dia na Arena László Papp, nome atribuído em memória do tricampeão olímpico de pugilismo, Catarina Costa (-48 kg) é o nome mais sonante da equipa lusa, depois de a judoca de Coimbra ter ficado à porta do pódio, em quinto, nos Mundiais de 2018, em Baku.

A grande expectativa está, porém, em Telma Monteiro, quatro vezes vice-campeã mundial, que compete nos -57 kg na terça-feira, e no campeão mundial Jorge Fonseca (-100 kg), em prova na sexta-feira, embora a vice-campeã mundial Bárbara Timo (-70 kg), e Rochele Nunes (+78 kg), que estarão em ação na quinta-feira e no sábado, respetivamente, também sejam cabeças de série.

A seleção portuguesa fica completa com Joana Diogo (-52 kg) e Joana Ramos (-52 kg), que entram em prova na segunda-feira, Wilsa Gomes (-57 kg) e João Fernando (-73 kg), a competirem na terça, e Anri Egutidze (-81 kg), na quarta.

Os Mundiais encerram no próximo domingo, num dia destinado à competição por equipas, em que Portugal não participará, de forma a salvaguardar os atletas para os Jogos Olímpicos Tóquio2020, cuja competição de judo decorrerá entre 24 e 31 de julho.