Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Modalidades

Fernando Pimenta apurado para a final de K1 1.000 metros dos Mundiais de canoagem

O canoísta português, medalha de bronze nos últimos Jogos Olímpicos, qualificou-se diretamente para a final dos 1.000 metros em K1 dos Mundiais que estão a decorrer em Copenhaga, na Dinamarca

Lusa

DeFodi Images

Partilhar

O canoísta Fernando Pimenta apurou-se esta quinta-feira diretamente para a final da prova de K1 1.000 metros dos mundiais de canoagem, enquanto Teresa Portela vai às meias-finais de K1 200 em Copenhaga.

Com uma só vaga a garantir o acesso imediato à regata das medalhas, Pimenta liderou do primeiro ao último metro, resistindo à pressão final do alemão Martin Hiller.

O limiano medalha de bronze em Tóquio 2020 completou a prova em 3.38,52 minutos, batendo o germânico por 1,22 segundos e o dinamarquês René Poulsen por 6,34.

Na eliminatória anterior, o campeão olímpico, o alemão Balint Kopasz venceu em 3.46,13, enquanto o bielorrusso Aleh Yurenia se impôs na terceira série, em 3.35,45.

Com três vagas disponíveis para a final, Teresa Portela não largou bem e levou o seu K1 200 ao quarto lugar, pelo que às 13h vai disputar, novamente, o acesso à regata das medalhas.

A Maria Rei e Francisca Laia só a vitória interessava em K1 200, porém a tripulação lusa foi sexta, pelo que às 15h25 também vai às meias-finais, nas quais espera ser bem-sucedida: antes, iniciam o seu desempenho em K2 500.

Esta tarde estreia-se igualmente o K4 500, oitavo em Tóquio2020, e que se apresenta remodelado, com João Ribeiro e Messias Baptista a competir ao lado de Kevin Santos e Ruben Boas, que substituem Emanuel Silva e David Varela, que solicitaram dispensa da competição.

Na canoagem adaptada, Alex Santos, quinto nos Jogos Paralímpicos de Tóquio2020, avançou direto para a final de sábado (9h20), com o terceiro tempo, em 52,86 segundos, a 5,44 do brasileiro Luís Silva, que se superiorizou ao húngaro Robert Suba por 1.34.

Norberto Mourão, vice-campeão do mundo em título, campeão da Europa e medalha de bronze em VL2 200 nos Jogos Paralímpicos, compete hoje às 15:10.

Hoje estreiam-se sete das 13 tripulações que Portugal apresenta nos mundiais de Copenhaga, que decorrem até domingo.