Tribuna Expresso

Perfil

Motos

Miguel Oliveira vence a sua primeira corrida no MotoGP. História para o motociclismo português

Português faz história no seu 150.º grande prémio. É o primeiro pódio na categoria principal. Impressionante triunfo do português, que no GP Estíria ultrapassou dois rivais na última curva do Red Bull Ring

Lídia Paralta Gomes

JOE KLAMAR

Partilhar

E aí está a primeira vitória de Miguel Oliveira no MotoGP. O português foi o primeiro a cortar a meta do GP Estíria depois de ultrapassar Jack Miller (Pramac) e Pól Espargaró (KTM) na última curva do Red Bull Ring, dando assim o triunfo à Tech3 na sua segunda temporada na categoria principal do Mundial de velocidade e no 150.º grande prémio do português

"Estou muito emocionado. Há tanto que quero dizer mas não sou capaz. Apenas um abraço para todos em casa que me apoiaram, a equipa, os patrocinadores, os portugueses... Fizemos história, pelo país. Estou feliz por ter sido aqui, na casa da KTM". Foram estas as primeiras palavras do português após um triunfo e um pódio que o português já vinha ameaçando.

Miguel Oliveira começou a corrida em 7.º até à interrupção da prova, depois do acidente de Maverick Viñales (Yamaha). No recomeço, o português esteve imparável. Passou de 7.º para 4.º e à 6.ª das 12 voltas da 2.ª parte da corrida passou Joan Mir (Suzuki) para chegar ao 3.º lugar.

Mesmo com muita oposição de Andrea Dovizioso, o português defendeu-se bem, sempre de olho na luta entre Pól Espargaró e Jack Miller na frente. E na última curva, aconteceu o inesperado: o espanhol e o australiano saíram largo e Oliveira aproveitou os erros para ultrapassar os dois rivais de uma só vez e vencer aquele que é também o 900.º grande prémio da história da categoria máxima do motociclismo.