Tribuna Expresso

Perfil

Mourinho

Mourinho quer levar Di María para o Tottenham mas o PSG não gosta muito da ideia

De acordo com o jornal francês “L’Equipe”, o Tottenham já sondou Angel Di María acerca de uma possível mudança para Londres. O antigo jogador do Benfica termina contrato com o atual clube, o PSG, este verão e pode mudar de ares a custo zero, mas os franceses ainda têm esperança de manter o jogador em Paris

Tribuna Expresso

Ángel Di María

Lintao Zhang

Partilhar

José Mourinho quer reencontrar-se com a estrela argentina, depois de ambos terem conhecido o sucesso no Real Madrid. Segundo a imprensa francesa, o Tottenham quer fazer a vontade ao treinador e já abordou Di María, até porque existe a possibilidade de contratar o jogador sem ter de pagar ao PSG.

O contrato de Di María expira este verão e esse facto muito relevante já fez vários tubarões do futebol europeu levantar o nariz na direção do internacional argentino. O antigo jogador do Benfica é, neste momento, um dos médios mais cotados do velho continente. O PSG não está indiferente à situação. Pelo contrário, os franceses querem que o jogador de 32 anos fique, apesar do falhanço nas negociações do ano passado.

A verdade é que Di María não torce o nariz a um acordo por mais dois anos, com um possível final de carreira na capital francesa e já disse que se sente bem na cidade, tal como a sua família. No entanto, uma oferta interessante dos Spurs pode tentá-lo a mudar-se para Inglaterra.

Em relação a Mourinho, Angel Di María não esconde a sua admiração pelo técnico português. Os dois conviveram em Madrid durante duas épocas com sucesso considerável e o argentino admite a importância que o treinador teve na sua carreira. “Mourinho fez de mim um jogador melhor,” admitiu Di María em 2013. “Ele mostrou-me muita coisa e fez com que eu crescesse como jogador, colocou-me a jogar noutra posição, ensinou-me a sacrificar-me mais pela equipa.”

Curiosamente, o novo treinador do Paris Saint-Germain é Mauricio Pochettino, precisamente o ex-treinador do Tottenham. Em Inglaterra, Di María ainda é associado à sua passagem pelo Manchester United, considerada uma desilusão. O argentino esteve nos Red Devils na época 2014/15 mas não conseguiu adaptar-se. A mulher de Di María chegou a dizer que a cidade era “horrível”.

Desde então, muito mudou na vida do futebolista, com diversas conquistas que incluem a liga espanhola ou a Liga dos Campeões, entre outros troféus. No PSG, Di María marcou 85 golos e levou o clube francês à final da Champions na última época. Já o Tottenham poderia beneficiar com o contributo de um jogador experiente e habituado a vencer.